segunda-feira, junho 25, 2007

"A Tenda dos Milagres" da CMA

Em...Almada, muito provavelmente parece estarmos perante uma “Tenda dos Milagres” da Câmara Municipal de Almada (CMA).
(clique sobre as fotos para aumentar)
Não se deduza que estamos a ser críticos ao culto religioso católico. Nada disso.
Respeitamos todos os cultos e todas as religiões desde que haja respeito pela livre opção de cada um e pela liberdade responsável de todos para o exercício de seus rituais, sejam eles quais forem, no respeito pela dignidade do ser humano e pela vida. Do que observámos nos passados dias 23 e 24 de Junho em cumprimento da tradicional Procissão de S. João Baptista, padroeiro de Almada e em complemento das festividades, verificámos que a cerimónia religiosa sob aquela Tenda, foi aproveitada para peditório público destinado à recuperação da Capela da Ramalha e construção de um Centro de Apoio Social. Ao lado da Tenda lá estava a “maquette” do conjunto arquitectónico a recuperar (?) e a construir Livrou-se assim a CMA da sua responsabilidade perante os almadenses, entregando o edifício a uma entidade que tem, a partir de agora, a obrigação de “conseguir” fundos para recuperar um conjunto de edifícios, que deveria ser a Câmara Municipal a fazê-lo. Com a mesma cajadada a CMA e a sua presidente matam outro coelho: obtêm a desejável benção pública dos fiéis paroquianos e não só..., o que é sempre útil no “juízo final” dos votos. A Câmara Municipal de Almada, proprietária da Capela há mais de vinte anos, nada fez para a sua recuperação e restauro, embora diga o contrário, acabando por a entregar, tal como a Casa da Quinta, ambas em estado ruinoso, à Paróquia da Cova da Piedade (Centro Social Paroquial Padre Ricardo Gameiro). Sabe-se que a CMA atribuíu um subsídio de 45.000€ (quarenta e cinco mil euros), como apoio aos encargos com os custos dos projectos de arquitectura para restauro da Capela da Ramalha e criação de equipamento social, na área envolvente, que engloba também a antiga Casa da Quinta.

17 comentários:

Joao disse...

Boa noite

Num dos seus comentários e posts sobre Almada , o sr afirmou que a CMA e o seu executivo "Não só deram cabo do comércio local como também de Almada e da vida em Almada." Foi uma equipa eleita democraticamente e por conseguinte identificável no caso de se ser necessário apurar responsabilidades numa situação hipotética, claro.

Já o mesmo não se passa do lado. Que não só redige um blog a difamar a equipa da Camara Municipal, sem salientar ou apresentar as suas ideias positivamente, como ainda tem a cobardia de se esconder atrás de um ALIAS.

Se considera negligente toda a conduta da CMA, apresente as suas sugestões como alguém que não tem medo de consequÊncias. Todo o processo de feitura destes blog, dado o seu teor, é na minha opinião cobarde e sem quaisquer escrúpulos. Ponho em causa a escrupulosidade porque não há aqui nada que o identifique. Tem medo do que? Da PIDE que mencionou anteriormente?

observador disse...

Outro com a PIDE em pano de fundo.
Será que os males voltaram à memória destes tristes príncipes tão generosos a tapar os buracos da sua amada?

Ponto Verde disse...

Com pães e bolos...se enganam os TOLOS!

Papoila disse...

O Sr. joão deve ser simpatizante (ou quem sabe algo mais) do partido que há muitos anos se passeia a seu belo prazer pelo Lado Certo.

Queira saber no momento actual, é um acto heróico dar a cara perante a censura encoberta que reina no nosso país.

Os blogs e a internet vieram democratizar o acesso à informação, cujos autores podem representar uma classe de jornalistas incorruptíveis.

João disse...

Amiga Papoila

O tempo que andas metida a moralista, seria bom que fosse apanhar a espiga, pois o que tu queres está pendurado no talho.
Sabes anda assim porque no fim de semana foste ao salão Erótico e ficaste um pouco quente.
Papoila toma cuidado não vá as tuas pétalas cairem e depois ficas sem graça.
Tome o meu conselho vai apanhar a espiga e assim já podes atinar com os teus coleg dos blogs e na internet numa de prono-erotismo.

EMALMADA disse...

O desespero e a insensatez de algumas pessoas leva-os muitas vezes a perderem o autocontrole, permitindo a revelação de seus instintos primários e os seus cripto ideais totalitários.
Em vez de virem para a net debitar esses mesmos instintos primários, melhor seria que fizessem uma reciclagem psíquica através de um bom Serviço Público de Saúde Mental.
Caso não o consigam, será melhor ficarem calados porque assim não farão má figura, nem comprometem os seus correligionários políticos.
Façam um pequeno esforço para se regenerarem porque isso será bom para vós e é um benefício para a sociedade.
Não sabem fazer críticas de outro modo ou debater pontos de vista diferentes?
Porque perdem tão facilmente o vosso verniz?

Joao disse...

Boa noite

Sou o primeiro João que começou a linha de comentários, e não o segundo que se dirigiu Á participante Papoila de forma menos correcta. Não estou aqui para ofender ninguém, por isso faço esta pequena ressalva inicial.

Continuo a considerar pouco digno, dado o teor deste blog, que quem o redige se esconda por detrás de um ALIAS e nem tão pouco se digne a identificar-se. É fácil apontar erros, hiperbolizá-los, e em ultima instância difamar quando se está protegido por um nome virtual que o imuniza contra qualquer identificação.

Concordo com a democratização da informação através da internet e com a sua massificação cada vez maior. O que não concordo nem aceito é a existência de pseudo-jornalismo anónimo. Isso não é correcto e desonra qualquer dignidade que o texto possa ter. Lembro por exemplo uma cidadã almadense, que em posts anteriores criticou alguns pontos da obra do Metro Sul do Tejo, mas teve a grande dignidade de se identificar. Isso é ter dignidade e significar ser-se coerente e correcto com as suas próprias palavras e opiniões.

Agora, quem escreve e mantém este blog demonstra uma valente falta de idoneidade pelo simples facto de querer ser anónimo. Do tipo que lança a bomba mas nunca terá a grandeza de espirito de se assumir. Isso é muito feio e demeritório.

um abraço

observador disse...

A obra está garantida.
Os cofres já se abriram através do desbloqueamento da verba necessária para tal.
O peditório? Uns trocos para comprar velas para oferecer ... à senhora.

observador disse...

Moral da história o João não passa de grande cobarde e acima de tudo um comuna de merda.

Joao disse...

O Sr Observador tem o dom da argumentação e da educação. O Senhor devia tomar um pouco mais de chá. Fazer-lhe ia muito bem!

A verdadeira cobardia é escrever da forma que se escreve neste blog e não ter a firmeza de espirito de assumir cada palavra escrita. isso meu senhor, é que é verdadeira cobardia.

E responder da forma como o senhor responde quando os seus argumentos minguam.. sabe como se chama? Eu digo:
Argumentação energúmena!

observador disse...

Senhor Joao
Devo dizer-lhe que a mensagem do segundo observador não é minha.
Acredite em quem quiser. Mas o que lhe digo, agora, é a verdade.
Cumprimentos

Joao disse...

Sr Observador

Por que não haveria de acreditar em si? Num blog anónimo faz sentido que os seus comentadores também sejam anónimos, ou que clonem o ALIAS de outros já existentes.

um abraço

amigo da costa disse...

E eu sei lá se ele é joao,o joao, manel, mané, tó ou outra coisa qualquer?
É só para rir a bandeiras despregadas!

observador disse...

Senhor João
O senhor para além de tudo continua a desconfiar da minha pessoa, continua a ser de facto um mal intencionado e comentários como os do Sr não merecem ser publicados neste blog onde a censura e a liberdade de expressão não se esconde no anonimato.

observador disse...

Resumindo: aqui todos somos anónimos.
O que não ajuda a um bom entendimento.
Am I right?

EMALMADA disse...

Só é anónimo quem opta por ser anónimo.

NoExit disse...

Sr. João, se viu a "Papoila" no Salão Erótico é porque também lá estava.
A vida pessoal de cada indivíduo não é da sua conta.
A "Papoila" também não questiona as sua idas à festa do avante...