sexta-feira, outubro 28, 2011

O Trauma do Muro de Berlin

Em...Almada, os neocomunistas da Câmara Municipal que vivem a expensas do capitalismo neoliberal, explorando-o em "joint-venture" com vestes de cordeirinhos democratas, saqueando-nos cidadãos/trabalhadores, sob o manto da mentira de, segundo dizem, defenderem os trabalhadores da exploração capitalista, ainda não se conformaram com o derrube do Muro de Berlin em 1989 e tratam de dar alento aos seus recalcamentos extremistas de totalitarismo falhado,  auto-intitulados senhores da verdade,  construindo muros em todo lado desta Almada sacrificada aos desmandos e arbitrariedades de ditadores em democracia, que não respeitam as populações, nem sabem respeitar-se reconhecendo e assumindo erros.

video

video da rotunda em construção junto ao SAP-Almada
"Com o dinheiro de todos nós, a Câmara está a fazer uma nova rotunda. Esta obra situa-se em frente ao edificio da SAP e poderia ter como fronteiras uma inclinação relvada mas, como para esta gente o espaço público tem que ter funções partidárias, o melhor foi construir um muro de betão.
Claro que vai ser estreado dentro de pouco tempo com os habituais grafitis com que a cdu alegra as paredes da cidade.
No Porto, a câmara processou a cdu no sentido de repôr ou pagar a despesa de pintura das paredes vandalizadas por este grupelho político, aqui, é a própria câmara que pinta os muros de branco para que seja mais destacável o futuro grafiti cdu.
Vamos esperar para ver, depois da obra concluída, quanto tempo vai passar até que esta profecia se cumpra."

EMALMADA agradece a colaboração de cidadão.

quinta-feira, outubro 27, 2011

A excelência de uma zona pedonal

Em...Almada, tudo é excelente quando tudo é decidido pela ditatorial Câmara Municipal de Almada.
Como fazia falta uma zona pedonal no principal eixo viário da cidade e na sua principal praça pública, a boa e excelente gestão municipal tratou do assunto e Almada, bem como os almadenses hoje "têm orgulho" na mais singular e exemplar zona pedonal do globo terrestre onde circulam comboios e viaturas auto, de que apresentamos mais uma foto captada  um dia da semana passada pela manhã.


Por trás destas viaturas e na zona central da praça junta-se à festa da área pedonal a circulação em dois sentidos de um comboio.
A ausência de pessoas na zona pedonal é colmatada pela presença de pombos, que embora sejam mais ligeiros que as pessoas a fugir dos automóveis e do comboio na dita zona, alguns já têm morrido atropelados.
As pessoas nesta zona dita pedonal estão sujeitas a quatro perigos municipais: o comboio, que tem sempre prioridade sobre tudo que mexe,  os automóveis, a falta de passadeiras para peões e o piso (qualidade, deficiências e estado de conservação)

EMALMADA agradece a colaboração de cidadão

terça-feira, outubro 25, 2011

A Boa Gestão Municipal

Em...Almada, também se gasta desaforadamente o dinheiro dos munícipes. É o contributo da Câmara para a construída "crise" económica do capitalismo neoliberal-democrata, tão bem aproveitada pelos "neo" comunistas.
A Câmara Municipal comunista, contrariamente ao que quer dar a parecer, contribui em muitos aspectos e é associada dos governos da nação em gastos inúteis, como este - situado na ex Av. Bento Gonçalves por exemplo - dos painéis que eram supostos dar informação correcta sobre os parques de estacionamento, mas que estão inoperativos desde o início.
Noutros locais da cidade, acontece o mesmo, a informação é estática e inalterável.
Será que estes painéis só servem ou serviram para transferência de dinheiro numa especial Parceria (municipal) Público Privado?

Gastar dinheiro público em equipamentos que não funcionam ou funcionam deficientemente é uma modalidade de roubo feito à Nação e ao Povo, mais ainda num município cuja presidente, dita comunista, se gaba publicamente, quando quer mandar fumaça para os olhos dos munícipes, elogiando-se a si e às suas boas contas, dizendo que tal só é possível com "uma gestão rigorosa ao tostão"... repetindo esta música para encher ouvidos numa intoxicação sonora, que leva os munícipes a desligar a recepção.

Estamos todos vendo, essa boa gestão aqui e nos gastos supérfluos em almoços, prendas, ofertas, festas, marchas, corsos carnavalescos, fogos de artifícios, apoios às suas células partidárias no apelidado associativismo popular, etc, etc... mas, depois diz que não tem dinheiro para a iluminação nocturna!
Boa, não é?
"Não diz a bota com a perdigota"!
ou
"Gato escondido com rabo de fora"?

EMALMADA agradece a colaboração de cidadão.

sábado, outubro 22, 2011

Defenda o quê?

Em...Almada, ardilosamente a presidente da Câmara quer é que os munícipes por via de agitação defendam a continuidade da hegemonia do PCP na Câmara Municipal e na Assembleia Municipal, e com isso também a ditadura comunista, que não respeita a democracia e vem arruinando este concelho há mais de três décadas.
É evidente que isto também só tem sido possível com a cumplicidade dos dois maiores partidos na oposição PS e PSD, a que se juntou ultimamente o BE.
clique no doc para aumentar e ler


Texto BM Out 2011
Tudo isto porque  a Reforma da Administração Local prevista no chamado Livro Verde, prevê a eliminação de 4 Freguesias no concelho , Cova da Piedade, Feijó, Pragal e Cacilhas, todas lideradas pelo PCP.
Com o seu desaparecimento e agregação a Almada, o PCP deixará de ter a maioria absoluta na Assembleia Municipal, (AM) que não consegue nas urnas pelo voto dos eleitores, mas sim pela presença automática dos seus presidentes de Junta de Freguesia (JF) na AM, actualmente em número de oito.
Ora desaparecendo aquelas JF, o PCP deixará de ter maioria na AM e com isso deixa de exercer a gestão catastrófica e ditatorial do concelho, a não ser que PS, PSD e BE lhe continuem a dar a mão.
Sendo isso um tiro certeiro na hegemonia antidemocrática do PCP em Almada, compreende-se por que a Presidente da Câmara estrebucha tanto com a diminuição do número de freguesias, misturando interesses dela, deles (comunistas ou pseudo comunistas) e do PCP, com interesses do concelho e das populações.
Desde quando é que os interesses das pessoas que actualmente estão na Câmara ou do PCP se podem misturar com  ou são coincidentes com os interesses dos munícipes e do concelho? 
Só cerca de 20% dos eleitores inscritos votam no PCP e mesmo assim o PCP consegue maioria absoluta para o executivo, não a conseguindo para a AM.
A tábua de salvação tem sido pois a presença dos 8 presidentes de Junta PCP na AM, onde têm direito a voto, desvirtuando o acto eleitoral para a Assembleia Municipal, onde têm sido mais representantes do PCP do que dos interesses dos seus fregueses.

Topam o que  Maria Emília de Sousa pretende veladamente quando apela aos munícipes "Defenda o que é seu"?
Talvez fosse mais correcto dizer "Defenda o que é meu e o PCP".

NÃO HÁ VERGONHA, NEM ÉTICA NA POLÍTICA.

quarta-feira, outubro 19, 2011

terça-feira, outubro 18, 2011

A Carnavalesca Zona Pedonal

Em...Almada, a Câmara Municipal e a sua presidente enchem o papinho de gozo com a população e a oposição, quando existe uma zona pedonal prometida como tal e injectada na cabeça da oposição pela presidente, mas que não é.
Ela deve sentir um enorme gozo interior quando reconhece que não há de facto qualquer zona pedonal e a oposição mantém-se inerte, como se nada tenha a ver com isso, nem se sente enganada, nem dá mostras de indignação ou se preste a defender os cidadãos. Antes, continua a defender o comboio MST, para prazer e satisfação da presidente. 
É caso para dizer, parafraseando o povo, que uma desgraça nunca vem só.
Com oposição assim, a presidente continua a governar a coutada e a explorar os almadenses.
Entretanto as vítimas do comboio MST, que mata dentro da cidade porque lhe foi atribuída (por algum extra-terrestre insensível à condição humana e ao direito à vida) prioridade sobre as pessoas, vão subindo nos registos.
Em duas semanas há a registar três acidentes muito graves.




Todas estas cenas nas barbas dos agentes beneficiários da "IPSS" municipal ECALMA!

EMALMADA agradece a colaboração de cidadão

sexta-feira, outubro 14, 2011

Mais uma achega para a desgraça

Em...Almada, depois das ruinosas obras do  Polis até ao momento e da desgraça em que estamos, só por interesse partidário local, querer ser amigo da presidente da Câmara/PCP/CDU, de empreiteiros e obreiros ou para aumentar a ruína do país, se entende o interesse dos laranjas em ver continuados e realizados projectos e obras desnecessárias.
No caso Polis, já se verificou que só serviu para enterrar dinheiro do povo e ninguém é responsabilizado pelas asneiras.
A Costa da Caparica não teve qualquer mais valia com as obras feitas até à data.


Jornal da Região 2709-031011
Insistir na continuidade das obras e início de outras inúteis, faz lembrar aqueles jogadores de casino, que estando a perder dinheiro continuam a jogar e enterrar dinheiro na vã esperança de lhes sair jackpot.
Só que aqui o dinheiro que estes senhores querem gastar e transferir para empreiteiros é dos contribuintes e são estes e não outros, que terão de pagar as dívidas que governantes e autarcas irresponsavelmente fazem.

Que país este, que tais políticos tem!

quinta-feira, outubro 13, 2011

Gentinha sem Vergonha

Em...Almada, desavergonhadamente continua-se a brincar com a população e a democracia.
A propósito das obras a decorrer em Cacilhas ditas de requalificação da Rua Cândido dos Reis, a competência municipal continua a fazer das suas.
Este cartaz está postado ao início desta Rua, no Largo Costa Pinto (Largo de Cacilhas) para que todos vejam que a obra é da Câmara:


 Este outro relativo a apoio da União Europeia está sem inscrições e escondido em recanto de estaleiro de obras (para não ser visto), só sendo visível por meia dúzia de pessoas (moradores) para informar o quê?
 
Aqui neste concelho parece ou circula a desonestidade interesseira na informação aos cidadãos pela Câmara Municipal comunista e seus caciques.
Que anda a fazer a fiscalização?
A oposição (PS, PSD e BE) anda de olhos tapadinhos(voluntariamente) a colaborar no jogo  da Presidente da Câmara?

Com gente honesta os dois cartazes estariam lado a lado e com informação correcta.

Como estamos numa coutada da presidente da Câmara e do PCP, com a devida colaboração da oposição, a mentira ou a omissão de verdade é possível. 

EMALMADA agradece a colaboração de cidadão

terça-feira, outubro 11, 2011

Ela nas suas sete quintas

Em...Almada é disto que ela gosta.
clique sobre a imagem para aumentar e ler

Criticam-na...criticam-na, mas depois deixam-se posar para a fotografia com ela e eles, todos sorridentes. Devem estar a falar de coisas virtuais.
E não é só um, são dois. Assim é impossível mudar Almada.
Turismo no concelho de Almada?
Falar de desenvolvimento de turismo em Almada? Há quanto tempo andam a  falar disso e não se vê resultados.
Estão a contar anedotas ou a gozar com a gente?

Ponham os olhos na Costa da Caparica e na degradação do concelho e logo se vê qual o conceito de turismo destes autarcas!