domingo, abril 19, 2009

Segurança Zero para Peões

Em...Almada, estão a decorrer obras para a construção de um parque de estacionamento subterrâneo para automóveis, na anterior avenida Bento Gonçalves, sentido descendente, junto à estação de serviço de combustíveis aí existente.
É um dos anunciados, pela Câmara Municipal, parques que deveriam estar feitos antes do comboio começar a circular e destruir Almada.
A Câmara Municipal de Almada (CMA) faz muita propaganda e barulho dizendo e anunciando aos quatro ventos, que está a construir, à sua conta, os parques, mas não cuida de salvaguardar a segurança de pessoas que circulam na zona.
Será uma obra com garantias de segurança para as pessoas que circulam no local?
O existente passeio foi ocupado pelo estaleiro e os peões têm de utilizar a faixa de rodagem como passeio sem segurança, quer se desloquem no sentido ascendente pelo lado esquerdo ou no sentido descendente pelo lado direito daquilo que foi a antiga av. Bento Gonçalves, hoje ocupado no seu eixo pelo Canal do comboio.
clique nas fotos para aumentar
sentido ascendente para peões na faixa de rodagem

sentido descendente para peões na faixa de rodagem

À falta da devida protecção, nem uma indicação minimamente visível para peões existe no local, advertindo dos perigos.

Para a CMA, a tal Câmara de Abril solidária e do poder local democrático, cidadão é produto descartável diante da força avassaladora do progresso municipal protagonizado pelos autarcas deste município, "legitimados" por Abril.

Os peões continuam aqueles "selvagens" de sempre, já reconhecidos pelos apoiantes da Câmara Municipal, sem compreenderem as boas decisões e as acções praticadas pelos autarcas, para bem de Almada e da população.
Cidadão só tem de acatar as decisões e cumprir suas obrigações, para com os senhores mandantes, pagando os impostos, tarifas e taxas municipais.

29 comentários:

José Mendonça disse...

Isto agora vale tudo...
O que é preciso é fazer o que eles querem, mesmo que seja à custa do prejuizo e perigo para os peões.
A sua democracia é esta. A democracia é para eles, para fazerem o que querem. Que os outros sejam prejudicados? Não interessa. Que os peões possam ser atropelados? Não interessa, porque o seguro cobre tudo.

Até quando?
Temos o poder na mão. Na força de um simples voto.
Vamos correr com estes energúmenos.
Vamos votar num partido qualquer. Não interessa qual.
Cada voto noutro partido é um voto a menos na Emília.
Votem em qualquer, mas não deixem de votar.
Usem a inteligência que é a melhor arma que nós temos.

Anónimo disse...

Ao truculento José Mendonça (há muito que por aqui não aparecia ...) nem vale a pena responder. É tal o desespero ...

Mas ao Em Almada, vale a pena responder sim senhor.

O Em Almada usa a liberdade que reconquistámos há precisamente 35 anos para denegrir e mentir gratuitamente. O Em Almada, em nome dessa liberdade, viola-a da forma mais grosseira e asquerosa que se possa imaginar.

Mente! Em Almada mente! Não porque de facto não haja espaço para peões nas fotos (demagógicas) que mostra. Não há espaço para peões é verdade. Mas Em Almada mente por duas razões essenciais:

1. Existem alternativas seguras e confortáveis para a circulação de peões a 10 metros do local que o Em Almada mostra!

2. Jamais aquele local foi um local de grande circulação de peões. Não foi no passado, não é hoje, seguramente. E só quem não conhecer minimamente o local é que pode acreditar na patranha do Em Almada.

O Em Almada é um perfeito irresponsável. Melhor, não é nada um perfeito irresponsável. É alguém que não aprendeu, não obstante 35 anos de Libderdade e Democracia neste país, que Liberdade e Democracia pressupõem responsabiliade e verdade! O Em Almada é um restício, caduco e podre, do pior que este país alguma vez teve na sua história recente: o fascismo!

Porque era precisamente este o método dos fascistas: deturpar a realidade, mentir descaradamente, como se de verdade absolutas estiverssem a falar.

Repito: no local onde o Em Almada diz que a CM Almada não respeita os peões, há alternativas confortáveis e seguras para esses peões a menos de 10 metros. Para além de que nunca aquele local foi um local de grande ferequência de peões.

O Em Almada é que não respeita nem a Liberdade nem a Democracia. Não sei se porque não sabe o que isso é, se porque é mesmo anti liberdade e anti democracia.

Anónimo disse...

O "democrata" anónimo 10:57:00 PM fala tal sábio Divino.
Na humilde condição de eleitor,(cacilhense) não posso ser outra coisa, garanto-lhe que esta Câmara/CDU/PCP não terá meu voto, porque não voto naqueles que afirmando-se comunistas estão conluídos com o capital,dão cobertura ao capitalismo e à neoburguesia de roupagens comunistas.

Anónimo disse...

Caro anónimo de Domingo, Abril 19, 2009 11:28:00 PM,

Democrata é você seguramente! E repare que nem sequer usei as aspas ...

Mas se está convencido que me preocupa se você vota ou não vota, ou em quem vota ou não vota, está muito enganado. Fico satisfeito, no entanto, por você reconhecer (ainda que por omissão no seu discurso ...) que eu tenho razão quando chamo irresponsável mentiroso ao Em Almada. Isso sim, interessa-me.

Anónimo disse...

Sendo eu o anónimo (11:28:00 PM), não tendo procuração do Em Almada quero acrescentar ao meu comentário anterior, que ele Em Almada não saberá o que é Liberdade e Democracia porque nunca deve ter tido lições da Presidente da Câmara acerca de responsabilidade e verdade, áreas onde a senhora se revela ser perita, como se viu no caso do MST quando não cumpriu, o que havia dito publicamente, depois do Governo ter alterado o traçado lá para as bandas da Ramalha.

Não seja tótó para tirar conclusões apressadas.
Eu não disse nem por omissão que o Sr. tinha, tem ou terá razão.

O Sr. mostra ser uma pessoa desinteressante. Poupe-se.
Anda a mostrar serviço à patroa.

Anónimo disse...

Desinteressante, eu? E você, é o quê? Interessante? E demonstra-o? Poupando-se, seguramente ... E a quem é que você anda a mostrar serviço? A algum patrão?

Depois disso, não tem procuração do Em Almada e demonstra, isso sim, que não precisa: é tão mentiroso quanto ele!

Se não sabe, não fale. Se sabe, fale verdade. E sim, estou a falar da Ramalha e do MST. E chamo-lhe mentiroso, com todas as letras!

Nem o Em Almada nem você (serão uma e a mesma coisa?) sabem o que é a Liberade e a Democracia. Se soubessem, podiam não concordar, seria absolutamente legítimo, mas não mentiriam. Como mentem ...

Anónimo disse...

Nos foruns do MST, promovidos pela CMA, os Almadenses tiveram oportunidade de verificar quais as liberdades de intervenção que lhes davam...
Puderam verificar que quem falava sempre eram os "capangas" do partido, isto é, ouviam-se a si próprios...
Se tivessem prestado atenção aos demais Almadenses, OITENTA POR CENTO que não votaram CDU, não teria feito a m.... que fizeram...
Agora bem podem limpar as mãos à parede...
Ainda estão a tempo de exigirem o fecho da linha Universidade Cacilhas...
AS composições ferroviárias andam a atrás umas das outras a passear!...

Anónimo disse...

Se existem alternativas para os peões, a 10 metros do local, por que razão não há informação sobre isso, no local?
Se calhar o reponsável pela segurança é tal inefável presidente da junta de Almada que sacou uns bons trocos pela segurança do MST e era a bagunça que se via... até os camaradas "ganiam" com tanta falta de segurança!!!

Anónimo disse...

Estes parques de estacionamento faziam parte do contrato de construção do MST. O que é grave é que o consórcio do MST decidiu a não construção dos mesmos apesar de estarem orçamentados, assim, a não construção permitiu ao MST a poupança de alguns milhões de euros que pura e simplesmente desapareceram. Num dos foruns realizados pela CMA a questão foi levantada por um cidadão e a questão que foi posta levantava a possibilidade de pagamento subreposto para a construção dos parques pois já estava orçamentado na obra e havia a possibilidade de ser a CMA a executá-la. ME de Sousa tranquilizou os presentes ao dizer que nada sería pago duas vezes. Podemos agora questionar ao dono da obra, quem a paga na realidade.
Oliveira

Anónimo disse...

anónimo de 12:02:00 AM:
você quer conversa . Com sua cegueira de espirito obcecado vê em quem lhe responde refutando seus argumentos, só Em Almadas.
Fique a falar sózinho.
Aconselho-o a não dizer mais palermices.

Anónimo disse...

Este blogue parece estar a ser atacado por gente graúda.
Como MES não se dá ao trabalho de aqui vir manda os lacaios fazê-lo.
Presidentes disto e daquilo, quadros daquilo e disto enfim, "gradas" figuras do "status" Emiliano.

Estes ataques trazem agarrados a raiva e o desespero.
Porque aqui se dizem verdades e se apontam defeitos.

Não sou o Em Almada nem tenho procuração.
Mas apetece-me dar a minha opinião. E dou. Hoje e sempre que eu entenda.

Esta cidade comemora o 25 de Abril ou o 24?

olina disse...

All Vogue patterns,like
Nike shoes Adidas shoes ,Air Jordan 2009 shoes and Fendi Chanel Burberry Louis Vuitton LV Prada D&G Gucci

Juicy Couture handbag ,are selling at a surprise price !Now ,i will

give you the website: http://www.vogmall.com/
Fendi Chanel Burberry Louis Vuitton LV Prada D&G Gucci

Juicy Couture handbag ,free international express expense !

Anónimo disse...

Oh Olina filha tu porta-te bem aí na Irlanda senão vou dizer à Mimi e ela dá-te o arroz.
Cuidado que andam aí os lobos maus.

Anónimo disse...

Oliveira,

Você é mais um que fala sem saber o que diz. É pena, porque escusava que eu lhe chamasse mentiroso, como os Em Alada todos que andam por aqui.

Os parques de estacionamento nunca estiveram incluídos no contrato celebrado pelo Estado com o consórcio privado para a construção do MST. Basta ler o contrato, que está disponível na Internet, para saber isso. Esta é, logo, a sua primeira mentira.

Mas antes tivessem estado incluídos nesse contrato, como a Câmara Municipal de Almada sempre propôs, até exigiu! E deviam ter estado, porque essa era a obrigação do Estado concedente. O mesmo Estado (Governo, leia-se) que não quis incluir os parques de estacionamento no contrato de concessão, e depois não quis cumprir um acordo, que o mesmíssimo Estado celebrou de livre vontade com os municípios, para resolver a questão. O que levou a Câmara Municipal de Almada há pouco mais de seis meses a solicitar à Assembleia Municipal de Almada a denúncia da cláusula desse Acordo que previa a cooperação para a construção dos parques de estacionamento, e a avançar sozinha na sua construção. Esta é que é a verdade, Sr. Oliveira. O que você diz é uma patranha total!

Depois, não chega propriamente a mentir, mas fala do que não sabe. Não sabe, por exemplo, qual é a diferença entre orçamentar e pagar! E ainda se dá ao luxo de insinuar suspeições sobre a Presidente da CM Almada relativamente a esta questão, sem qualquer fundamento. Orçamentar pode-se sempre orçamentar; pagar, aí só se for feito.

O Oliveira gosta destas coisas. Levantar suspeições gratuitas baseado na ignorância, ou na má fé. Paciência, é problema dele.

Anónimo disse...

Eu avisei. Eles andam aí.
Quem é que pensam que escreve o comentário das 2:52:00 PM ?
Um graúdo, está visto.
Não é assim senhor M?
Defenda os seus pontos de vista. Tem esse direito.
Mas fica-lhe muito mal chamar mentiroso a quem quer que seja.
A mim não chama não. Sabe porquê? Não chega ao meu nível nem eu lhe dou hipótese para tal.
Também não lhe fica bem saír em defesa da presidente do povo unido.
E duma forma tão evidentemente patética (não confundir com pateta).
Se eu fosse o Sr. Oliveira nem lhe dizia mais nada. Por pura perda de tempo que o senhor não merece.
Eu também não lhe vou dar o prazer de voltar à carga consigo. Fico agoniado, desculpe.
Apesar de tudo, saúdo-o mas de punho em baixo.

Anónimo disse...

Para o anónimo de Segunda-feira, Abril 20, 2009 2:52:00 PM:

Como pode verificar a própria CMA admite que as clausulas são de negociação com o gabinete do MST; o que a CMA fez foi adquirir os terrenos sem consultar o interessado e apresentando-se com a solução final. Se chama a este tipo de procedimentos negociação então eu poderei chamar-lhe amigo do peito. " coisa que com toda a certeza não é".
Oliveira
Consulte abaixo!!!


http://www.assembleialmada.org/uploader/index.php?action=download&field=http://www.assembleialmada.org/files/1139.pdf&fileDesc=Relat%C3%B3rio%20da%20Actividade%20da%20Ass

Anónimo disse...

Penso de que anda aqui um(a) Abelha .... por trás do anonimato a defender a Câmara de Almada.

Anónimo disse...

Eu adoro o Metro, a nova imagem da cidade e a Câmara de Almada que não vai em futebois.

Câmara CDU, só da minha família tens sete votos!

Anónimo disse...

Anónimo das 5:55:00 PM
A abelha anda a defender a CMA porque é sua obrigação profissional e maníaco-depressiva fazê-lo.
O homem é mesmo da Câmara.

Anónimo disse...

Anónimo das 6:46:00 PM
A Câmara de Almada não irá em futebóis?
Será que apenas vai no fado e Fátima?

Ponto Verde disse...

Como é que é ? TERRA LIBERDADE ? Ah pois é...É por isso que determinados temas só são abordados nos blogues e num certo jornal com sede...no Porto!

Amanhã no a-sul abordaremos também o metro versus trolleicar.

chico bufo disse...

Esse senhor que anda a defenser a MES deve ser algum quadro técnico que deve ter uma reforma de 3500 euros, mais o dinheiro que saca através da Politica. Pergunto onde estaria esse semnhor antes do 25 de Abril. Deve ser mais um comuna oportunista pós 25 de Abril, como a MES. Este fulano deve torcer-se todo porque tem o PS e o PSD na mao da Emilia, mas não tem este blog. Um bem haja a este blog. Monte de coisa não sabia se não consultasse este blog. Para o bufo que tem 7 votos comunista em casa, Só para lhe dizer também eu tinha 7 que votavam sempre CDU. Nas ´próximas vão todos votar no PS e No BLOco só para lhe tirar o tacho aos mamões pseudoantifascistas

Anónimo disse...

Este Chico Bufo deve ter cá umas saudades do antigamente!!!!!

Só pelo nick que arranjou ...

Depois vem para aqui com cantigas. É motivo para dozer que canta bem, mas não me alegra.

Anónimo disse...

Chico bufo é um tuga típico: se pudesse também mamava. Mas como não mama, revolta-se.

Descostroi qualquer tipo de poder, por diminuto que este seja. E depois, mistura tudo e denigre os demais que contribuem neste blog chamando-lhes bufos.

Chico vai em frente
Ignorantes como tu
Tem Almada muita gente

João Dissidente

Anónimo disse...

Anónimo das 11:13:00 PM
O homem estava na Lisnave.
Não se nota mas é verdade.

Anónimo disse...

Quem trabalhou (?)disse, na Lisnave foi o Maia, o imparcial da Assembleia Municipal.
Muita gente trabalhou aí, mas nem todos estão no PCP-Câmara Municipal-Autarquia.

Chico Bufo disse...

Olá aqui à pardal, tenho que chamar bufos a estes oportunistas para eles começarem a bufar. Só para responder a esses dois senhores, que de tuga não tenho nada, abomino tugas e novos ricos, que existem às paletes em Almada. Almada ao contrário que afirmam não é uma terra de camaradas, mas dim de novos ricos e tugas e bufos.
Só para informar esses dois senhores, que vivi num país do leste e sei o que sofreram.

Elsa Roque disse...

Como é possível fazer uma obra sem haver segurança para os peões e dentro do estaleiro será que existe segurança ?!
Não é nada que já não seja habitual, aquando das obras do MST foi a vergonha que se viu, segurança para os peões não existiu nenhuma!!!
Será que nenhum inspector da Autoridade para as Condições no Trabalho, cujas instalações se situam bem perto da obra do novo parque de estacionamnto, ainda não reparou que nessa zona os peões têm que "passar" ai a voar?!
A segurança tem que existir para os trabalhadores em obra mas também para os peões, estes últimos, está visto que, mais uma vez, foram esquecidos...

Anónimo disse...

Já que a Nossa Senhora de Fátima cá vem (com o que eu concordo, pois dá movimento á cidade),esperemos que a MILITA nãe esqueça de pedir PERDÂO por ter ESTRANGULADO a ÙNICA AVENIDA que Almada tinha, só para ter um PRÈMIO na mão. Quem lho deu não sabe que os gazes nas outras pequenas ruas triplicaram e que para ELA ter esse PRÈMIO temos a classe dos COMERCIANTES DESTRUIDA, e consequentemente ALMADA MORTA.SR PRESIDENTE PEÇA PERDÃO PELO TEMPO QUE ESTÁ A LEVAR A RECONHECER QUE ESTA AVENIDA CORTADA ESTRANGULOU TODA A CIDADE.Não tenha vergonha de mostrar que reconhece que errou, a Nossa Senhora PERDOA_LHE porque ELA sabe que não foi de PROPÒSITO. O Indignado