terça-feira, maio 29, 2007

Mobilidade e Acessibilidades

Em...Almada, “Autarca de Almada quer MST a 50 cêntimos.” Lia-se na edição do Diário de Notícias de 16MAIO2007 “Para o presidente da Assembleia Municipal de Almada, 50 cêntimos era o preço ideal para o troço de quatro quilómetros do Metro Sul do Tejo(MST), que entrou em funcionamento no início do mês”. "José Manuel Maia considera que o preço (85 cêntimos o bilhete simples e 15 euros o passe) até é aceitável para toda a linha, mas lamenta que “ o ponto de vista económico tenha falado mais alto nesta primeira fase” Estas declarações têm odor a demagogia barata e oportunista dirigidas a um público alvo provavelmente com determinado objectivo. Recuando no tempo, precisamente a Junho de 2003 a CMA publicava a pág. 16, no seu “insuspeito” Boletim Municipal o seguinte:
(clique no doc. para aumentar e ler)
Na tese de José Manuel Maia 85 cêntimos continuará a ser o preço justo para um passageiro que faça só os mesmos 4 Km, quando o MST circular em toda a linha ou aí já terá de pagar 85 cêntimos pelos mesmos 4Km de percurso? É que nestas coisas ou há moral ou comem todos... entenda-se! Conforme a CMA publicou “O tarifário foi negociado, não podendo ser por isso alterado por questões conjunturais ou por vontade de uma das partes” Fazer demagogia fácil, NÃO É DEMOCRACIA. Será verdade que houve instruções/apelos “à boca calada”, de alguém, junto de militantes do PCP/simpatizantes da CMA para utilizarem o MST- Comboio Vai e Vem Vazio/Sempre em Teste e assim serem minimizadas as imagens escandalosas do vazio/ausência de passageiros ? Não posso acreditar nisto.

16 comentários:

moisés disse...

Tudo é possível.
Já só me falta ver um camelo a andar de bicicleta...

Anónimo disse...

Para levar gente a conhecer o metro e proteger o ambiente a câmara devia dar bilhetes em troca de garrafas de plástico vazias.

Anónimo disse...

Mesmo com esta opinião, a população do deserto há muito aderiu à greve: não anda de metro.

pedro f. disse...

Que mal a CMA lhes fez para não gostarem da presidente?
A presidente está totalmente dedicada à nossa população.

Votante na CDU disse...

Talves seja dor de corno...

amigo da costa disse...

pedro f. e votante cdu expliquem-se
melhor para vos entender.
Esbanjar dinheiro é dedicação só se for em demagogia.Não gosto da vossa conversa.

amigo da costa disse...

O presidente da assembleia municipal e os restantes autarcas que defendem o MST utilizam-no diariamente?

moisés disse...

Senhor pedro f
A Câmara não fez mal nenhum. Alguns eleitos é que fazem o favor de se esquecerem que estão lá para servir o povo e não ao contrário.
Cumprimentos.

Alfredo Tinoco disse...

Vamos lá ver se nos entendemos, eu acho que este assunto do MST parece-me um pouco doentio.
Não acham que seria mais benéfico deixarem de pisar sempre o mesmo tema e procurarem outros assuntos, nomedamente o porquê do povo de Almada sentir na força que lidera a autarquia uma forte confiança e um voto de rigor pelo progresso de Almada.
Deixo isto para vossa reflexão...

EMALMADA disse...

Caro alfredo tinoco,
acertou em cheio. O MST é mais que um assunto doentio, é uma doença muito grave e endémica em Almada que está a gerar mesmo muuuiiinnntos... anticorpos na população.
Pena é que os seus idealizadores e compradores da "ideia" tenham menosprezado as opiniões dos munícipes e em consequência disso mesmo, nestas doenças "antigénio-anticorpo" a reacção, o desfecho, muitas vezes é fatal para o organismo (para Almada entenda-se) se a evolução do processo não é devidamente acompanhada com saber e muito senso.
Nós almadenses vamos continuar com CALMA e SERENIDADE a defender as nossas razões, a pugnar por elas e com as pedras que nos atiram vamos construindo o edifício da nossa justa indignação.
Já o dissemos e nada nos fará desistir embora isso incomode algumas pessoas que apreciam muito o estilo "carneirada".
Nós detestamos tal estilo e atitude!

EMALMADA disse...

As pessoas estão de tal modo divorciadas deste MST e do seu traçado, que não questionam o preço....certamente por não o utilizarem, por ser uma inutilidade tal qual está a ser metido em Almada.
Ficam indiferentes à demoagogia.

Votante na CDU disse...

Penso que vocês ao utilizarem por sistema o principio da concordância em atacar a CMA estão a cair no ridiculo, daí o comentário muito oportuno do Sr Alfredo Tinoco, no sentido de vocês não serem carneiros esquerdistas.
Em meu entender devem continuar e para melhor definição da vossa conduta, transcrevo as vossas palavras: "não é devidamente acompanhada com saber e muito senso", as vossas opiniões.

Zé Tinoco disse...

Nã liguém ao mê primo Alfredo, que ele têm um cu que mete medo!

Apesar de ser rabeta, gosta de fingir que é o Diácono Remédios da família. Feitios!

Anónimo disse...

Mas porque será que este pessoal tem uma falta de nivel tão grande?
Se em pequeninos não tiveram ninguém para os ensinar a viver em sociedade, agora, também lhes digo...já é tarde.
Podiam no entanto fazer um esforço e comportarem-se como pessoas, e discutir ideias.

Alfredo Tinoco disse...

Primo Zé Tinoco
Devo dizer que fiquei muito admirado pelo seu comentário.
Quando o primo andava a comer bolota, juntamente com os seus progenitores em terras de Barrancos, não era assim.
Lembra-se? Foi o Zé Alisando Cresce que sempre lhe deu sustento, e dinheiro para a sua viagem a Lisboa, onde o primo viria a estudar (na Casa Pia, sendo professor o BIBI...)
Como vinha contente, o primo Zé Tinoco,juntamente com outros porcos, na caminoeta da carreira. Vinha eufórico para a capital.
Isto de um porco vir à cidade para se instruir é algo de raro lá para os lados de Batrrancos.
Hoje metido a importante, o primo já não se lembra da gamela onde comeu e da possilga onde vivia.
Como a memória é curta para certos animais...
Enfim, a vida amarga que o primo teve na Casa Pia e as noites perdidas no Parque Eduardo VII, fizeram de si um Gay chique, por isso deve-se desculpar e compreender todo o seu rancor e tristeza, por não ser como aquele historiador Alfredo Tinoco, que o primo em anterior comentário disse ser...
Até à próxima Primo Zé Tinoco e não se esqueça de ir visitar o seu antigo companheiro de cama Zé Alisando Cresce, para recordar os seus desvaneios sexuais...

no name boy disse...

O trajecto do MST pelo chamado triângulo da Ramalha está a ser apesar de tudo, um osso duro de roer para a administração camarária.
Por um lado a teimosia e a arrogância. Por outro, um certo arrependimento com o receio de que tudo se reveja em 2009...
O eco desta cegueira autárquica vai ter resultados péssimos.
Mas a senhora presidente não vai voltar às urnas. Por isso, o que acontecer e garantido outro posto de trabalho, é-lhe indiferente que o combóio ande assim ou de trás para a frente.
O mesmo acontecerá com o senhor vereador-presidente Carreiras.
Isso. Façam asneiras e pirem-se.
Quem vier atrás que feche a porta.