sábado, maio 26, 2007

Em Exibição em Cacilhas e Almada

Em...Almada, está agora em exibição na "Sala" -"principal e único eixo viário da cidade ", com entrada condicionada.
(clique nas fotos para aumentar)

Vejam como os "artistas verdadeiros" que não aparecem no filme, chutam a bola para o lado, melhor... as suas responsabilidades! São "Verdadeiros Artistas"!

No Concelho de Almada, este filme http://www.youtube.com/watch?v=p77NhHtEhzw , [clique no endereço para ver o filme] já correu há algum tempo no Laranjeiro.

Comerciantes e população foram obrigados a vê-lo em sessões contínuas, com altos e agravados custos, morais, materiais e infelizmente com uma vítima mortal.

Agora está em exibição em Cacilhas e Almada, com os mesmos realizadores e "verdadeiros artistas", para outros espectadores, obrigados a vê-lo contra sua vontade, pagando bem caro as cenas desagradáveis e esta exibição delirante da CMA, de consequências negativas para a cidade e a sua vida.
Almada e moradores não pediram à CMA esta película cinematográfica.
Preferiam cenas mais agradáveis e de menores impactes ambientais, menores custos e menos prejudiciais aos residentes e comerciantes. Contudo há sempre "verdadeiros artistas" especiais que acham que têm muita piada, que são originais e teimam em complicar a vida dos cidadãos e da cidade.
Nota: Tal como os almadenses são alheios a este projecto, traçado e inserção do MST, também o somos à qualidade da gravação e som pelo que pedimos desculpa aos visitantes do blog.
O filme deve ser de 2005.

11 comentários:

moisés disse...

Não nos venham dizer que a SIC mente, que os comerciantes inventam e por aí fora. Nessa altura, havia algo que podia ser rectificado.Agora, ali não.
Mas, na Av. 23 de Julho, há muitas mazelas, deixadas para trás pelo MST e por quem lhe deu a mão.

A qualidade da imagem e do som, apesar de maus, em nada beliscam a verdade dos factos.

Ponto Verde disse...

E com som "SURROUND"!!!

Ponto Verde disse...

Comparar os aeroportos de Madrid, Barcelona e ...Lisboa

em

www.a-sul.blogspot.com

Anónimo disse...

SEM DÚVIDA QUE AS OBRAS PREJUDICAM O COMERCIO E NÃO SÓ, MAS SE OS COMERCIANTES FIZESSEM MAIS PELO SEU NEGÓCIO TALVEZ NÃO SE QUEIXASSEM TANTO..NEM COM O FÓRUM APRENDERAM A CATIVAR A POPULAÇÃO..CONTINUAM COM A VELHA TEORIA DE PREÇOS ALTOS E SEMPRE FECHADOS QUANDO AS POPULAÇÕES TEM TEMPO DE FAZER COMPRAS..FECHAM SABADOS E DOMINGOS DE TARDE, FECHAM FERIADOS E DEPOIS QUEIXAM-SE...QUEREM TER TRABALHO POR CONTA PROPRIA MAS COM HORÁRIO DE FUNÇÃO PÚBLICA E DEPOIS ADMIRAM-SE...AGORA AMANHEM-SE!! PARA VARIAR QUEREM CHULAR A CAMARA OU O ESTADO COM INDEMNIZAÇÕES..É A SACANAGEM À LÀ PORTUGUES!!

Anónimo disse...

JÁ AGORA O BLOG INFINITOS FAZ CENSURA, SÓ RECEBE COMENTÁRIOS DE QUEM LHE APETECE, É TIPO LÁPIZ AZUL, SÓ ACEITA O QUE LHE CONVÉM..E DIZ-SE AQUELA VACA UMA LIBERAL E DE ESQUERDA!!!

EMALMADA disse...

Caros Intervenientes:
As normas de boa convivência aconselham a que as pessoas se respeitem e saibam tolerar as ideias e opiniões dos outros, embora não concordem com as mesmas.
O uso de termos e palavras ofensivas acabam por definir e caracterizar quem os utiliza e ainda mais quando se esconde no anonimato.Voltam-se contra o emissor.
Dá de si uma triste imagem e retira-lhe qualquer razão que eventualmente poderia ter.
Compreeende-se que há pessoas que não toleram que se critique a actual autarquia, mas o trabalho dos eleitos deve ser avaliado pelos eleitores no exercício de cidadania para bem da comunidade.
Assumir a atitude e postura de "espirito de carneirada" de nada serve a democracia.
Sejamos tolerantes e saibamos estar e expressar o nosso desacordo sem usar palavras ofensivas da dignidade pessoal.
Podemos e devemos fazer crítica dura sem recorrer a termos insultuosos.
Infelizmente já vimos em pleno Fórum MST munícipes serem insultados o ofendidos perante o silêncio da Mesa, o que costitui um mau exemplo. Isto presencialmente.
Vendo os "Bons Exemplos" tolerados por quem está por cima, no anonimato, a algumas pessoas salta-lhes a tampa e então dizem disparates.
Respeitem-se. Porque quem não se respeita não é digno de respeito nem de ser respeitado.
Participem mas com senso.
Ofender ou tentar ofender pessoas sob o manto do anonimato revela cobardia e miséria intelectual.

moisés disse...

Com gente como esta (votante não sei quê) só há uma coisa a fazer: dar desprezo.
A mesma receita se aplica a quem usar um discurso semelhante.
Anónimos, faz-de-contas e outras aberrações: desde que não falem pelo lado positivo, lixo!
Isto nada tem a ver com opiniões. Todos temos direito a ela. Democraticamente é assim.
Cumprimentos

Anónimo disse...

As opiniões diferentes não fazem mal a ninguém, bem pelo contrário. O anónimo que usa este tipo de linguagem não deve estar habituado a dialogar e o que é mais importante a tentar compreender as opiniões contrárias.
Um bocado de tento e de senso não lhe fazem mal nenhum caro anónimo.
Como conclusão veremos quem tem razão, se quem porfiou no diálogo para melhorar toda esta trapalhada, ou se quem fez orelhas de mercador aos avisos.

Anti-cinico disse...

VÃO TODOS PÓ CARALHOS SEUS DORES DE CORNO EHEHEHEHEH

Anónimo disse...

Estes desorientados e desesperadodos intervenientes são o que são, valem o que valem e o demonstram com tamanha evidência. Felicito aqueles que têm a coragem através dos seus comentários estarem a denunciar o que as oposições em Almada nunca tiveram coragem de fazer.
Incentivo-vos acontinuar porque os frutos hão-de surgir.
Parabéns cidadãos pelo vosso trabalho.

Anónimo disse...

Já viram o auto-retrato da JSD no Centro Sul?? Ficaram bem na foto os meninos..ahahahah