segunda-feira, dezembro 15, 2008

Magia e Ilusionismo enganam Almada

Em...Almada já vale tudo para fazer esquecer aos almadendeses as realidades e mantê-los iludidos com a ideia que não existe gente mais honesta, competente e trabalhadora do que aqueles quem têm estado e estão no executivo municipal há mais de trinta anos, embora nunca tivessem sabido requalificar, desenvolver e gerir o concelho.
Vale tudo e são já muitas vezes que lhes foge a boca para a verdade ou deixam sair pela boca frases e expressões, que vistas à luz das realidades vividas em Almada, revelam quanto são limitados para gerir um concelho em benefício das gentes que o habitam.
Pensam que com marketing e oca propaganda politica, muitas vezes escondida em pretensiosa e ingénua (des)informação, conseguem iludir os munícipes.
Enganam-se. Revelam aí o muito pouco que valem e a debilidade das suas reais capacidades.
O pasquim municipal de Dezembro retrata isso:
"Centenas de eventos em Dezembro e Janeiro.
Natal Mágico"
É Magia pura, realmente.
"Centenas de eventos"! "Milhões de euros de Saldo positivo"! "Boas contas"! "Honestidade" "Competência" "Trabalho", "Tarimba" nas Comissões de Trabalhadores, "militantes do Partido dos trabalhadores", "A Emoção descoberta", "Almada somos todos nós", "Plano de Turismo com projectos ousados", "Comerciantes com nova Marca" "Muita Luz, animação e diversão" "Espectáculo de Fim de Ano em Cacilhas" etc, etc... e muito mais blá...blá....blá...., mas a realidade do concelho é degradante e Almada está sem vida, com ruas e avenidas vazias nesta quadra natalícia.
Um acção folclórica da presidente da Câmara foi representada no dia 26 de Novembro na 3ª inauguração do MST, depois de ter enfiado o barrete aos comerciantes com o comboio-eléctrico, como "requalificante" de Almada e "promotor" do comércio local, quando apareceu para a foto, rodeada de um pai Natal, três mães Natal e três solidárias acompanhantes, numa acção de charme e encanto envolvida na reabilitação do seu nado morto "Almada Centro Shopping e Lazer".
O pasquim municipal divulgou a foto ao acontecimento...

Embora o barrete enfiado a Almada e aos comerciantes tivesse sido outro, resolvemos enfiar também um barrete, este de Pai Natal, à presidente, para que não fique a destoar na foto.

Assim não há discriminação. Barretes de Natal para todos.

Nas próximas eleições temos o dever de banir estes autarcas da cena municipal, dizendo não à abstenção e votando em qualquer partido político que não seja CDU-PCP ou outro, onde estes autarcas eventualmente se escondam.

32 comentários:

Anónimo disse...

Eles, os desordeiros da política barata, continuam a desbaratar a nossa terra. E nós deixamos.
Eles, os maléficos autarcas auto apelidados de Abril, comem tudo e não deixam nada.
Eles, de barriga cheia, escorregam lentamente para a fossa mas, o pior é que nos estão a levar por arrasto. Porque nós deixamos.

Hoje fiquei abismado. Na Rua Caetano Maria Batalha, em Almada, a C.M.A. colocou mais um parquímetro.
Nada demais não fosse esse parquímetro servir quem pretenda estacionar em cima do passeio e junto a uma paragem dos TST.
Quem é é esta gente que se atreve a fazer com que o automobilista se veja obrigado a infringir o Código da Estrada?
Estacionar, com autorização camarária, em cima do passeio e junto de uma paragem?
Gostava de ver o BMW de sua excelência MES e os Toyotas dos seus lacaios estacionados em cima dos passeios e a terem que pagar para incorrer em falta grosseira.
Mas não. Estes senhores têm o estacionamento que querem e como querem.

Almada necessita de se libertar das garras desta gente malvada.
Depende de nós.

Anónimo disse...

É grande, tão grande, o desespero! Sem propostas alternativas, sem nada para dizer a ninguém, sem ser capaz, sequer, de compreender o que se passa à sua volta, estes pseudo-democratas, que apenas têm na língua o fel do despeito pelo facto de nada serem, nada poderem, e nada fazerem, vêm até aqui, ao seu espaço de "liberdade" e descarregam. Bom proveito. Descarreguem à vontade. Pelo menos cheira mal apenas por aqui. Não incomoda mais ninguém.

E agora venham daí, quais moralistas ofendidos, falsos e cobardes, dizer que insultei. Bem me rirei, uma vez mais. Vocês, se é que aqui há vocês, cheiram mal. Cheiram a ressabio. Cheiram a passado. Cheiram a ...

Anónimo disse...

Será que este blog está a ser atacado pela pirataria. Bom, pirataria e o que mais existe por estas paragens, mas refiro-me a pirataria informática. Que raio de mensagens em banner são estas que nos avisam que um qualquer período "premium" está a acabar e que devemos clicar nesse banner para evitar não sei o quê? É pirataria mesmo?

Anónimo disse...

Para os Almadenses mais novos recordo aqui um provérbio que encaixa que nem uma luva na actual maioria da C.M.A....

APREGOA VINHO,
VENDE VINAGRE.

trabalhador disse...

Já há muito tempo que não via este lacaio da MES. Deve ter tido saudades..... A MES é perita em tirar coelhos da cartola...para quem ainda acredita no Pai Natal. A última foi na festa de natal dos trabalhadores de Almada. A tão não é que ela disse:1-é a maior festa de Portugal!!!!2-gastou-se 80000€!!!É muito dinheiro n é??? e as crianças respondem: siimmmmmmm!!!!! 3-deitou as 1ª pedras para a nova creche da camara!!!! 4-Abriram muitos concursos (faltou foi abrir a grande maioria), para os trabalhadores devido à lei que vai entrar em 2009 (já podia era ter aberto há muito tempo, pelo menos desde o início do ano!!!!).....enfim entre outras propagandas políticas muito convenientes para uma festa de natal!!!!! Pensa que é com estas prendinhas que vai enganando os trabalhadores!!!! ABRAM OS OLHOS, É O QUE EU DIGO!!!!!!

Cacilhense disse...

E eis que reaparece o "guarda da cela" para dizer aos prisioneiros que aqui cheira mal...
Eu sei...
Cheira a democracia...
Cheira a gente que diz o que se sente...
Cheira a gente que pensa pela sua cabeça...
Cheira a gente que trabalha para ter o que têm (gente que não é empregada de partidos, como 106 dos seus camaradas do CC do PCP)...
Cheira a gente que gosta do 25 de Abril de 1974 e de TODAS as datas que vieram a seguir...
Cheira a gente que gosta do Mundo, e não só de 1 ou 2 países (advinhem quais)...
Cheira a gente honesta, vertical e não sabuja...
Cheira a gente respeitada pelos outros (não precisamos de seguranças para andar pelas ruas da nossa terra)...
Cheira a gente que é de Almada (e não importada de qualquer terriola algarvia)...
Cheira a gente cujo CV não começa exclusivamente numa qualquer junta de freguesia ou assembleia municipal...
Cheira a gente que VOS VAI CORRER DAQUI PARA FORA!...
Tem razão, para si "guarda da cela",... deve cheirar muito mal...
Ainda bem!

Anónimo disse...

Olha, olha, as roupagens de Cacilhense há muito que não se viam por estas bandas. Mas lá regressou, para dizer as verdades absolutas do seu pensamento sério, democrático (absolutamente democrático), autênticas pérolas do bem que luta (e há-de escorraçar) contra o mal.

Grande discurso, sim senhor! Arrancado com convicção. É assim mesmo que eu gosto, discursos convictos, afirmativos, fortes e de força. Grande Cacilhense!

Pena é que no meio de tanta convicção apenas tenha lugares comuns para dizer. Ideias? Qual ideias, isso dá muito trabalho. Basta afirmar (com convicção) alguns lugares comuns, e já está, trabalhinho feito - e feito exclusivamente pela sua própria cabeça, está bem de ver, porque o Cacilhense pensa apenas e só pela sua cabeça. É a isso que se chama o verdadeiro democrata, aquele que pensa apenas pela sua cabeça! Não liga nenhuma nem se deixa influenciar por nada nem ninguém! É um autêntico eremita no sentido mais profundo do termo!

Para além dos lugares comuns que utiliza, não falta - não podia faltar - a calúnia e o insulto barato, com laivos de xenofobismo mal disfarçado (todos quantos não são de Almada não prestam, vão-se embora. Os que são de cá é que são bons - é o que se lê nas palavras do Cacilhense!) e ainda a ódio, esse bem afirmado, através da expressão "gente que VOS VAI CORRER DAQUI PARA FORA", ódio que releva, aliás, do xenofobismo já atrás demonstrado (se não somos de Almada, e por isso não prestamos, nada mais adequado para os verdadeiros Almadenses e aqueles que prestam do que correr connosco daqui para fora).

Por último, sr. pequenino "guardião da democracia", só para seu consumo, eu não gosto de países. Gosto de Povos. E desses, gosto de todos os povos do mundo! Todos! Mas isso é difícil você compreender.

Anónimo disse...

Como era de prever, os sentidos de transito na Rua Bernardo Francisco da Costa foram já alterados de maneira a poder-se utilizar a rua em toda a sua extensão;erro cometido, erro corrigido. Foi tambem já posta a circular a promessa da recuperação do transito na totalidade da Rua Capitão Leitão; erro cometido, promessa de correcção? Poder-se-á depreender que a empresa Suiça irá devolver o dinheiro que levou à CMA para estudo de tráfego tão pernicioso?, virá esse dinheiro a pagar os prejuízos causados ao comércio local?,não se fala ainda mas, quanto irá custar ao erário Almadense daqui a uns anitos, o alargamento das vias da principal avenida de Almada, quando se verificar que passeios tão largos prejudicam a circulação automóvel e não são necessários? Para quando um verdadeiro estudo de gastos em erros corrigidos depois? Pode este tipo de elenco autárquico responsabilizar o cidadão pelo atraso e subdesenvolvimento do país como se fosse do cidadão a responsabilidade de devaneios desta natureza?
Oliveira

Ponto Verde disse...

Considero que houve em tempos , um Tratado de Tordesilhas politico , a nós , nesta Banda coube-nos a fava.

Só assim se compreende a falta de oposição , a ausência de candidatos credíveis desde sempre, que ofereçam uma proposta de alternativa.

Não é normal este abandono de trinta anos do PS e do PSD em relação a esta banda , sobretudo estando ela tão à vista da capital.

Não são possíveis de aceitar como mero acaso, o ignorar dos sucessivos atropelos à liberdade e à demucracia pela CDU,

Cacilhense disse...

Antes pequenino "guardião da democracia" do que grande "guardião da cela"...
Falas muito, mas dizes pouco...
Se ainda explicasses alguma coisa... mas também só explica quem sabe!... e no teu caso quem sabe é quem te manda para a rua dizer disparates...
Em relação à dialética países/povos, eu sei que tu não gostas de países (de quais é que haverias de gostar... os únicos 2 "amigos" do PCP são uma vergonha...)
Se gostas de povos... então começa por gostar do povo de Almada e VAI-TE EMBORA COM A TUA PANDILHA!

Anónimo disse...

ALMADA = TRISTE E MORTE

Anónimo disse...

O vómito do escrevinhador chegou.
Que saudades!
Quem é que cheira mal?
O menino traquina que defende a agoniante e agoniada administração autárquica ou o lixo que a mesma produz diariamente?

Tenha juizo. Eu sei que é difícil mas tentar nada custa.
Digo eu.

Anónimo disse...

Fui um dos muitos trabalhadores não contemplados com a abertura de concurso, daqueles concursos tão apregoados pela MES. A justificação para a não abertura de concursos para todos os trabalhadores foi a de falta de verba. E a justificação para a falta de verba foi a decisão da MES para compensar os comerciantes de Almada pelos prejuízos que tiveram devido às obras do Metro (!!!). E porque hão-de ser os trabalhadores a pagar essa factura?Falta de verba??? A Câmara Municipal de Almada não é propriamente uma Câmara pobrezinha, quanto mais não seja por ser das Câmaras que mais receitas possui em taxas pagas pelos munícipes.
E pena é que as verbas não cheguem para serem abertos concursos para todos os trabalhadores, por forma a proporcionar igualdade de oportunidades para todos, ainda mais quando uma das linhas de orientação desta Câmara se baseia na qualificação dos trabalhadores e sua motivação.
E diz-se esta Câmara democrática!
Que estranho conceito de democracia!
Enfim, dado que fui um dos trabalhadores "escolhidos" para compensar os comerciantes de Almada, resta-me a hipótese de tentar obter nessas lojas uns descontos para os presentes de Natal!...

Anónimo disse...

Ó amigo trabalhador prejudicado pela falta de verba na CMA..., olhe que não existe qualquer compensação de prejuízos para o comércio de Almada. A sua querida MES enganou-o. Creio que a situação é recorrente, MESousa diz a uns que vai dar a outros e a outros que já deu a uns, ficam ambos convencidos da boa vontade da mulher e, ao mesmo tempo, convencidos que o seu prejuízo se deve à prioridade dada aos outros. Dividir para reinar!!!
Oliveira

Anónimo disse...

Fica muito bem o barrete à dona Emília.
Podia vestir-se de Pai Natal com os vereadores e visitarem todas as lojas de Almada
À direita dela parece estar uma comerciante da Praça do MFA.

Anónimo disse...

O autor do blog podia fazer um jogo do sapato como o do Bush seria pelo menos divertido atirar sapatos á Mes.

Anónimo disse...

É a Mónica dona do salão de beleza que apareceu muito crítica num forum de participação mas que agora tem que "fazer pela vida".
No dia de inauguração do Metro com que alegria andava a desejar boas festas pelas ruas de Almada.
Voltou a acreditar, a ter esperança, a estar feliz com o encontro com a MES que é a pessoa que melhor dá a volta aos almadenses. As teses marxistas ensinam que a classe média é a mais instável.
Será que voltou para a barricada dos reformados da Lisnave que não conta como seus clientes?
É bom que todos acreditem que é possível vencer a crise e melhorar a situação. Bom Natal para todos apesar de ser difícil para os que não são respeitados pelos poderes instituídos.

Anónimo disse...

Na época natalícia, COMO EM QUALQUER ÉPOCA DO ANO, é comum verem-se os presidentes das diversas Câmaras do País a entrarem nas Lojas e nos mercados das suas cidades...

Como qualquer cidadão precisam de comprar os bens essenciais, nomeadamente o vestuário e a comida do dia a dia, isto para não falar de jornais ou revistas...

Em Almada nunca vi a presidente da CMA no exercício destas actividades comuns a qualquer cidadão...

Será porque tem medo de se expôr aos cidadãos (andando a pé, como qualquer mortal...), ou porque o plano de Acessibilidades XXI não permite um fácil acesso da sua viatura de serviço a estes locais?

Anónimo disse...

MES não compra porque tudo lhe vai parar à mão.
Falo de ofertas chorudas.
E algo de que sua excelência não goste ou tem como repetido, tem destinatários.
Que o diga o seu motorista.
Entre outros, entre outros.

Anónimo disse...

Isso é evidente, que não se atreve a comprar nas lojas da Almada, não vá levar com uma pescada na cara, como levou o Mario Soares á anos na praça de Almada porque quem tem cu tem medo.

Anónimo disse...

Caro Oliveira,

A "minha querida MES" só engana quem se deixa enganar. Entre a justificação que me foi dada para a não abertura dos concursos e aquilo em que eu acredito vai uma grande diferença.
Foi das desculpas mais aberrantes que eu já ouvi. Pensará que somos idiotas?
É pena é que os trabalhadores sejam elogiados em discursos demagógicos mas na prática sejam tão prejudicados por esta câmara que se diz tão justa.
Perdoe-me pelo anonimato, espero que o compreenda.
Feliz Natal

Anónimo disse...

Eu tiro os meus dois sapatos para atirar à MES & C.ia. Mas com pontaria certeira

Anónimo disse...

Alguém me chamou vómito há não muitos comentários atrás. O que são estes comentários que se sucedem depois desse epíteto? Se não são vómitos são o quê?

A coberto do anonimato, continuam a insultar, a caluniar e a difamar. Há um energúmeno qualquer que vem aqui dizer "falo de ofertas chorudas"! Mas que dislate é este, afinal? É este o conceito de democracia que aqui defendem? É insultar sem qualquer fundamento que chamam democracia? Até o motorista da Presidente da Câmara é mal tratado, imagine-se!

E tudo isto de forma absolutamente cobarde, sem dar a cara, nem o nome. Arrota as postas de pescada que outro (ou o mesmo) gostaria de ver na cara da Presidente da Câmara, mas de forma cobarde, indecente, ou nem isso, sem qualificativo possível. É esta gente que pretende substituir o poder em Almada? São estes arrotos que querem governar os destinos dos Almadenses? Não sou católico, mas não resisto: Deus nos livre de tamanho infortúnio! Deus nos livre!!!

Esta gente, de facto, não presta. Razão tinha eu quando dizia que cheiram mal. Muito mal, mesmo! E depois ainda se dão ao trabalho de se virem aqui arvorar-se em democratas, verticais, gente que pensa pela sua cabeça. Mentira! São um nojo, absoluto nojo!

Anónimo disse...

Para o arroto das 21:05

"Cobarde, sem dar a cara nem o nome"??
Então e você, seu energúmero nº 1, porque não se identifica??
E cheira-lhe mal? Experimente cheirar-se a si mesmo, vai ver que o cheiro vem daí

Anónimo disse...

Parabéns!

Almada voltou á era dos policias sinaleiros....
É vê-los na Av D. Nuno Alvares Pereira e na Av. D. Afonso
Henriques...e aos pares...

Anónimo disse...

Por engano este comentário para aqui, saiu noutro post.


Não.
Aquilo não são polícias sinaleiros.
São polícias a tentar corrigir alguns dos muitos diaparates feitos pela MES em Almada.

A polícia dispõe-se a isto?
A Emília é que devia lá estar.

Anónimo disse...

O homem dos arrotos continua desnorteado.
Quem é que disse mal do motorista da MES?
Você não leu bem. O que prova da sua mal intenção ou da falta de escolaridade.

E quem falou das prendas chorudas tem razão. Porque é verdade.
Ou quer que se encubra o que realidade sustenta?
Por alma de quem? Por que preço, homem?

E a propósito de anonimato. Já teve você a dignidade de se identificar? Ah pois não.
Faz o que eu digo não faças o que eu faço.

O mau cheiro vem de si. Abra bem essas narinas nojentas e confirme.

Anónimo disse...

ó anónimo das 8:25:00 PM, não seja mentiroso, a presidente não disse nada disso relativamente a orçamento de concursos que não foram abertos, abriram-se precisamente todos os concursos necessários para os trabalhadores que estavam em condições legais a progredirem, trabalho no drh e sei muito bem como foi o processo, se tiver alguma dúvida dirija-se ao drh e poderão esclarecê-lo, ao invés de caluniar quem fez o melhor por quem trabalha, e já agora esta câmara também dá um seguro de saúde como não existe em outras e mais condições socias...tenham vergonha!

Anónimo disse...

DRH quer dizer Departamento de Recursos Humanos, não é?

Vão lá, vão.
E porque não poupar tempo indo direito ao vereador Carlos Revés, responsável por essa área municipal?

Esclareçam-se.

Cuidado com as surpresas, anónimo de Sexta-feira, Dezembro 19, 2008 2:20:00 AM

Anónimo disse...

ó anónimo das 2:20:00 AM, mentiroso é você. Mentiroso e ignorante.
Eu estou a falar de concursos de promoção e não de progressões.
As progressões, essas estiveram congeladas por decisão do governo.
Mas os concursos de promoção são abertos por decisão da autarquia, como sabe.
Infelizmente existem muitos trabalhadores em condições legais para concorrerem a concursos de promoção, entre eles eu próprio, simplesmente esses concursos não abriram.

Portanto das duas uma: ou não trabalha no drh, ou trabalha mas precisa mesmo de estar mais atento e consultar o tal processo outra vez, confrontando-o com a lista de trabalhadores que ficaram de fora porque os respectivos concursos não abriram.
Pelos vistos você teve mais sorte, mas não tem noção daquilo que está a dizer.
E, lamentavelmente, a justificação foi mesmo a falta de verba.

Anónimo disse...

Dia 20 de Dezembro, voçê vista de Pai Natal e será feliz,hoje vai ser o grande dia,se voçê nunca fez de palhaço, hoje é o seu dia.Viva o Natal que da para tudo.

Anónimo disse...

SOBRE O EVENTO DOS PAIS NATAL EM ALMADA NÃO ESTÁ MUITO BEM INFORMADO ... para mais explicações consulte o site http://algoespecial-almadavelha.blogspot.com/ . Obrigado