quarta-feira, janeiro 07, 2009

Sempre a Defender o Ambiente

Em...Almada, a Câmara Municipal trabalha...trabalha para defender o ambiente, construindo ou aprovando a construção de escadas em betão no espaço público, quando as mesmas poderiam ser com degraus em calçada. Sempre facilitaria a infiltração de águas pluviais no solo e ficaria mais económico.
1. Na Rua Cidade de Ostrava, no sentido Cova da Piedade-Pragal e depois de passarmos sob o viaduto da Av. Bento Gonçalves, à esquerda junto ao prédio que fica imediatamente antes das ruínas da Capela da Ramalha, foi construída a escada da imagem - uma dezena de degraus - em betão com malha de ferro interior.
clique nas imagens para aumentar

Este é o estado ainda actual do local

Provavelmente um "negócio da china" comparado com a mesma escada feita com degraus empedrados.

2. Na mesma rua e à direita logo depois de passar sob o viaduto existiam dois lances de escada cujos degraus eram calcetados.

Agora, no âmbito da excelente requalificação urbana levada a cabo pela senhora presidente da câmara para construir o futuro, esses degraus foram substituídos por outros feitos em betão.
Será mais uma porção de solo tornado impermeável, provavelmente também em nome dos "negócios da china".
Na imagem seguinte temos o primeiro lance de degraus para quem sobe:

Há mês e meio que o estado da escada é o da imagem

Nesta imagem temos o segundo lance de degraus:

Quanto custaram estas construções aprovadas pela ecológica Câmara Municipal de Almada, a grande defensora do ambiente e do betão na margem sul?
Entre betão ou defender o ambiente, a CMA escolhe o betão
O aspecto e a limpeza do local que se vê nestas imagens é normal nesta cidade dita requalificada e embelezada pelo actual executivo municipal.
Espera-se que até Outubro 2009 o local seja limpo e mude de aspecto.
Tudo porque em 2009 há eleições autárquicas e o actual executivo vai investir muitos milhões de euros em propaganda e promoção publicitária para tentar sobreviver por mais quatro anos.
Como vemos, em Acessibilidades e Mobilidade 21 é só facilidades.
Imagens reais do futuro que esta Câmara Municipal construiu em Almada.

64 comentários:

Anónimo disse...

Almadenses tenham calma.
Estamos a dar o nosso melhor.
Estamos a trabalhar para vós.
Não dormimos, não descansamos.
O MST é fruto de nosso esforço para fazer aquilo que nenhum de vós pensaria fazer em Almada
Só vos pedimos paciência e compreensão.

Errar é humano.
Nós não somos humanos.
Logo não podemos corrigir erros.

"Os autarcas da cmAlmada"

Anónimo disse...

CMA E MES, DEMITAM, DEMITAM, DEMITAM.

Anónimo disse...

Sabedoria Popular (Via - Seixal Sim é uma Merda)

1) Em Janeiro sobe ao outeiro; se vires verdejar, põe-te a cantar, se vires betão CDU, põe-te a chorar.
2) Quem vai ao mar avia-se em terra; quem vota CDU, mais cedo se enterra.
3) Afredo Monteiro a rir em Janeiro, é sinal de pouco dinheiro.
4) Quem anda à chuva molha-se; quem vota no PCP lixa-se.
5) Ladrão que rouba a ladrão tem cem anos de perdão; parvo que vota na CDU, tem cem anos de aflição.
6) Gaivotas em terra temporais no mar; Paulo Silva no Seixal, o povinho a penar
7) Há mar e mar, há ir e voltar; vota CDU quem se quer afogar.
8) Março, marçagão, manhã de Inverno tarde de Verão; Monteiro, Eufrazião bêbados no Inverno tarde de inferno.
9) Burro carregando livros é um doutor; burro carregando o Paulo Siva é burro mesmo.
10) Peixe não puxa carroça; voto em jorge Silva, asneira grossa.
11) Amigo disfarçado, inimigo dobrado; Mateus empossado, povinho atropelado.
12) A ocasião faz o ladrão, e de Jerónimo um aldrabão.
13) Antes só que mal acompanhado, ou com Corália ao lado.
14) A fome é o melhor cozinheiro, PCP o melhor coveiro.
15) Olhos que não vêm, coração que não sente, mas aturar o Joaquimzinho, não se faz à gente.
16) Boda molhada, boda abençoada; Alfredo eleito, pesadelo perfeito.
17) Casa roubada, trancas na porta; Jorge Silva eleito, betão na horta.
18) Com PCP, foguetes e bolos se enganam os tolos.
19) Não há regra sem excepção, nem PCP sem confusão mesmo que só com a avaliação dos professores.

1/08/2009 12:45:00 AM

Anónimo disse...

Sabem que a Escada Monumental, também em betão, das Cataratas da Czarina Maria Emília,inaugurada a 26 de Novembro 2008 na av. Nuno Alvares Pereira ao lado do Sommer, já encostou às boxes para recauchutagem?

Anónimo disse...

É do conhecimento público.
Aliás, era coisa que se previa acontecer a curto prazo.

Trabalhos em que nos metem...

Jorge Franco disse...

Consta que recentemente ocorreu um assalto no MST ou numa estação do MST no Monte da Caparica.
Nada vi na comunicação social.
Alguém sabe?

Ponto Verde disse...

Estou sem palavras. Digamos que são exemplos EXTRAORDINÁRIOS!!!

Anónimo disse...

Para quando a colocação de um simples corrimão na Escada Monumental?
Quem concebeu tamanha alarvidade que obriga os mais idosos a ampararem-se nas paredes?
Para usufruirem da segurança, comodidade e condições de mobilidade que o famoso plano da "Imobilidade XXI" não lhes proporcionou, servem-se dos elevadores do Centro Comercial adjacente...
Tenham vergonha senhores autarcas...
Se não acreditam, avaliem as condições no local...

Anónimo disse...

Perante estes factos não é possivel ficarmos calados.

Uma vez que a comunicação social está ao serviço do poder instalado e que os partidos da oposição estão silenciados e mostram passividade com as alarvidades da Câmara,

Temos de Dizer BEM ALTO:

"Estamos de mediocridade à frente do concelho"

Félix Magalhães disse...

este blog é lamentável. mas mais lamentáveis são estes "blogueiros"!

deviam saber que todas as sessões de Assembleia de Junta, Assembleia Municipal e Câmara Municipal, têm um período antes da ordem do dia na qual toda a população pode usufruir da palavra.

se querem mudar alguma coisa, vão lá!!! não é só largar postas de pescada para galvanizar o anti-comunismo. nem sequer assinam...

Anónimo disse...

o magalhães está a ser revisto agora para melhorar seu desempenho.

O establishement gosta muito de ter as coisas controladas. A assembleia mUnicipal, assembleias de freguesia e reuniões da câmara estão controladas pelo PCP e adjuntos.
É preciso denunciar na praça pública os problemas existentes e dizer que os actuais eleitos não cumprem suas obrigações perante os eleitores.

Força Emalmada. Vamos manter este forum para denunciar erros e incompetências dos comunistas,serão comunistas estes glutões do executivo de Almada? e de outros iguais.

Anónimo disse...

Que estranho, não tem corrimão? e então voçes seus palermas não foram á asembleia municipal informar os Sr politicos que o sr arquiteto se tinha esquecido do maldito corrimão para os idosos,vocês teêm que se lembrar que os Sr fiscais teêm muito que fazer,veces Almadenses sâo mesmo burros, há que ir as juntas municipais,senão os politicos eleitos não sebem o que fazer.

Anónimo disse...

Por acaso a CMA paga aos ciudadaos para ser fiscais de suas inaptidões? Esta camada de anormais não tem gente que revise as obras? No meu bairro -Ramalha- estiveram os candeeiros de luz da rua 10 dias acesas dia e noite e ninguém o vê. Señores comunas comprem uma foice e um martelo e suicidense. So desleixo.

Anónimo disse...

Pelo o que posso ver nos comentários acima começou a caça ao voto!!!!

Eu até que ia a essas tão boas assembleias e fóruns de discussão, se não tivesse que trabalhar que nem um mouro de madrugada até à noite para sustentar o belo desgoverno e politiquices...

Anónimo disse...

Em resposta ao Jorge Franco, posso informar que esse assalto foi um facto.
Na estação do Pragal entrou um rapaz preto, roubou um telemóvel a um jovem e foi andando.
Isto perante a passividade de todos os que presenciaram.

Mas alguém falou em segurança, foi?
Uma ilusão, é o que é.


Ao Félix Magalhães e a outros que tais apenas digo que se não está bem mude-se.
Alguém o obriga a ler este blogue?
Ou estamos na presença de mais um rapazote que está interessado em desestabilizar?
Olhe que anda por aí alguém que não gosta de concorrência.

E uma coisa se confirma. Este blogue incomoda muita gente.
Não temos dúvida pois não?

Cacilhense disse...

Este blogue só incomoda aqueles que temos de correr daqui para fora, portanto estamos no bom caminho... FORÇA EMALMADA!

Jorge Rodrigues disse...

O cacilhense (seja bem reapareceido ...) e os outros que estão preocupados com o "incómodo" que este blog "provoca", desenganem-se. Isto não incomoda rigorosamente ninguém. Isto apenas irrita muita gente.

E ao anónimo que aconselha o Félix Magalhães a mudar-se - sem que tenha qualquer procuração do próprio para isso - devolvo a sugestão: este anónimo não está bem em Almada? Mude-se! Alguém o obriga a viver em Almada? Se é que vive em Almada ...

Anónimo disse...

Há um velho ditado nesta cidade Almada sempre foi boa madrasta e má mãe, não nos podemos esquecer que Pais, continua a ser um Pais de emigrantes,sejam todos bem vindos aqui ou a qualquer parte do mundo.

Anónimo disse...

O Jorge Rodrigues reaparece com toda a sua inoperância. O costume.
Aconselhei e aconselho o Félix Magalhães a mudar-se de blogue, já que parece não ser do seu agrado as verdades que por aqui se apontam e que só são desmentidas pela mentira e pela calúnia.
E o Jorge Rodrigues é um dos artistas nessa matéria, pelo que também o aconselho a não vir aqui se não se sente bem.

Ou será que Jorge Rodrigues e Félix Magalhães são a mesma pessoa?

Por uma vez, o Jorge Rodrigues falou bem. Este blogue não incomoda, irrita.
Resta saber quem se sente irritado.
Aposto que o Jorge e o Félix são dois candidatos ao pódio.

Não é necessário dizer que apoio o "EmAlmada". Não cegamente, já que sei distinguir quando não comungamos da mesma opinião.
O que não acontece com os lacaios de MES e seus apaniguados.
Para esses tudo o que aqui se escreve e que seja anti MES é controverso.
É uma questão de cidadania.

Contudo, e falo por mim, dispenso a vossa democracia, Jorge Rodrigues e Félix Magalhães.

Se estão contentes por terem nascido, divirtam-se.
A mim não afectam nem um miligrama.

Anti-tretas disse...

Resposta ao comuna Félix Magalhães
Vá-se tratar

Cacilhense disse...

Ó anónimo Jorge Félix Rodrigues Magalhães, deixe-se de parvoíces...
Porque é que a gente dentro dos comunas temos que levar logo com o refugo, com os monos tipo MES que ninguém quer?...
Mandem para cá o camarada de Moura...
Esse sabe falar e tem visão...
Deve ser outro que qualquer dia correm com ele!

Anónimo disse...

É realmente constrangedor verificar que algumas pessoas, sendo livres de simpatizar ou não com a gestão que MESousa tem feito na CMA, confundam a simpatia ou antipatia com aversão total aos comentários com os quais não concordam; o tema lançado desta vez pelo "emalmada", é somente mais um tema como tantos outros que poderão ser mais ou menos importantes, a questão fundamental sería justificar porque motivo se concorda ou não em detrimento de insultar quem comenta realmente o tema. Por exemplo: é ou não verdade que estes monstros de cimento formatados em escadas urbanas álem de não serem amigos do ambiente, contribuirem para a impermeabilização do solo e serem bastantes onerosos para o orçamento poderiam ser construidos de uma maneira diferente? É ou não verdade que a manutenção destes e doutros objectos urbanos acaba logo depois da sua construção? Independentemente de alguem pensar na resposta afirmativa ou negativa, existe alguma razão para me insultarem ou a outro qualquer só porque não concordam com as posições descritas?
Oliveira

Anónimo disse...

Tem razão, Oliveira.

Anónimo disse...

Ouvi dizer que os ratos já estão a abandonar o navio. Corre o boato que o vereador do urbanismo se prepara para ir governar para o Alentejo, tipo regresso às origens, destacados comunas dentro da CMA já têm as trouxas feitas para ir para outras paragens, como é o caso de um técnico do SIC - serviços de informações comunistas, outros sairam para os sindicatos. Os que ficam estão aflitos, e já fazem coro com os colegas na crítica a MES e sus muchachos, para evitarem ser crucificados quando o PS e o BE tomarem a CMA, porque, não tenham dúvidas, é isso que vai acontecer

EMALMADA disse...

Não são os jorges félixes rodrigues magalhães ou outros tais, sendo a ordem dos nomes arbitrária, que vão impedir ou desmobilizar a denúncia da incompetência municipal que grassa no concelho.
Almada vai libertar-se das amarras a que está sujeita mercê da passividade política dos partidos da oposição.
Não são os cidadãos os únicos culpados da situação ao absterem-se.
A mudança possível só pode ser feita com os partidos políticos da oposição e até hoje infelizmente estes pouco ou nada têm feito para a necessária mudança.
Daí o voltar costas dos eleitores aos actos eleitorais.
O exercício da cidadania através da participação activa dos munícipes é fundamental.
A actual gestão também fala da participação dos cidadãos, mas a participação que "os donos da CMA" querem é idêntiuca à que a Acção Nacional Popular queria: as palmas e concordância de cordeirinhos para suas acções, para os seus actos, para as suas decisões, para seus projectos.
Para pensar e conduzir as massas estão os eleitos.
Para estes CDUs/PCPs o povo é para ser conduzido pelos respresentantes "dos trabalhadores", os "honestos eleitos". Se não eram passam a sê-lo, após a eleição.
Há que puxar o tapete aos oportunistas

A actual gestão autárquica já provou que não tem competência técnica nem arcaboiço socio-intelectual para gerir uma cidade com as várias potencialidades e situação geográfica como Almada.
Talvez uma localidade na Sibéria coberta de gelo 365 por ano seja o terreno ideal para tal mediocridade.

Vamos continuar a pugnar por Almada, a denunciar a incompetência associada à arrogância, ao autismo, ao oportunismo político e ao medo instalado que têm destruído Almada, impossibilitando-a de ser uma digna e progressiva cidade onde seus filhos e todos os que a escolheram para viver possam ter qualidade de vida, se sintam bem e uma existência digna.
Almada tem de ser um concelho jovem, vivo, com vida própria e não um dormitório ou ponte de passagem para sul ou para Lisboa.
Não esqueçamos que temos uma bela frente de praias atlânticas que estes incompetentes nunca aproveitaram em 33 anos.
Mas temos muito mais coisas.
O que lhes interessou foi unicamente a construção civil e os vários lucros daí.

Actualmente Almada é um concelho falhado para o que tinha possibilidade de ser e os almadenses mereciam.

Infelizmente aconteceu. Estes tomaram conta de nós . Com a nossa passividade e a dos partidos da oposição e até a colaboração de alguns seus elementos e deswtruiram ou não desenvolveram Almada e o concelho.

Em 33 anos neste concelh0o elogiou-se muito e explorou-se o miserabilismo com fonte de votos para manter estes autarcas.
É claro que pelo meio alguns governaram-se à conta desta tewrra e de suas gentes.

Vamos trabalhar para libertar Almada!

Anónimo disse...

Ôi ! Vi esta história com humor no Seixal Sim e não resisti de a copiar para aqui. Esperem que gostem, a autoria é de www.seixalsim.blogspot.com :

O velho Padre, durante anos, tinha trabalhado fielmente com o povo africano, mas agora estava de volta a Portugal, doente e moribundo, no Hospital de S. José.
De repente ele faz um sinal à enfermeira, que se aproxima.
- Sim, Padre? diz a enfermeira.
- Eu queria ver Maria Emilia Pres. da Câmara do Seixal e Alfredo Monteiro, Pres da Câmara do Seixal antes de morrer, sussurrou o Padre.
- Acalme-se, verei o que posso fazer, respondeu a enfermeira.
De imediato, ela entra em contacto com os presidentes de Câmara desta banda E logo recebe a notícia: ambos gostariam muito de visitar o Padre moribundo.
A caminho do Hospital, Emilia diz a Alfredo Monteiro:- Eu não sei porque é que o velho padre nos quer ver, mas certamente que isso vai ajudar a melhorar a nossa imagem perante a Igreja, o que é sempre bom.
Alfredo Monteiro concordou. Era uma grande oportunidade para eles e até foi enviado um comunicado oficial à imprensa sobre a visita.
Quando chegaram ao quarto, o velho Padre, pegou na mão de Maria Emilia ,com a sua mão direita, e na mão de Algredo Monteiro, com a sua esquerda.
Houve um grande silêncio e notou-se um ar de pureza e serenidade no semblante do Padre.
Maria Emilia então disse:
- Padre, porque é que fomos nós os escolhidos, entre tantas pessoas,para estar ao seu lado no seu fim?
O velho Padre, lentamente, disse:-Sempre, em toda a minha vida, procurei ter como modelo o Nosso Senhor Jesus Cristo.
-Amém, disse Maria Emilia.
-Amém, disse Alfredo Monteiro.
E o Padre continuou:-'Então... como Ele morreu entre dois ladrões, eu queria fazer o mesmo...!!!

1/11/2009 12:23:00 AM

Anónimo disse...

25 minutos de transito para fazer 3 kms!!!!
Demorei 25 minutos de Cacilhas ao Hospital!!!! Se fosse mais grave, tinha desviado logo para Vale Flores que demorava menos!!! Agora está melhor melhor! Dantes demorava no máximo 5 minutos, mas com as fantásticas acessibilidades XXI demoro 5 vezes mais!

Os meninos que projectaram estas belas obras e acessos, e os que o aprovaram, que metam o projecto todo num sitio que eu cá sei!!! Não é onde estão a pensar que aí cabia muito mais...é pelo o ouvido a dentro porque aí também cabe visto que cérebro não existe!!!

Parabéns EMALMADA! Continua que estamos cá para apoiar...!

Anónimo disse...

Para quando é que está prevista a intervenção da equipa das acessibilidades XXI junto das cancelas da herdade da aroeira. É motivo de orgulho para uma autarquia comunista ter vários hectares do seu território em que o uso de vias públicas está vedado aos seus municipes. Podem começar a arrumar as botas e ir cavar para outro lado.

Bassam Badri disse...

Gaza is burning ..

كفاكم فرقة ..

فقريباً ستقولون:
أُكلتُ يوم أُكل الثور الأبيض ..

http://bassambadri.jeeran.co m/palestine/archive/2009/1/775 996.html

بسام البدري


Dr. Bassam Al-Badri

Anónimo disse...

Creio que é do domínio público que a herdade da Aroeira não pode estar fechada como se de uma propriedade privada se tratasse.
A autarquia tem, há muito, conhecimento deste abuso.
Nada tem feito.
É mais uma vergonha.
Ou será que existem almadenses (concelho) de primeira e de segunda?

Anónimo disse...

Se os moradores das ex-ruas de Lopes de Mendonça e de José Justino Lopes tivessem, em tempo oportuno, tomado a iniciativa de colocarem cancelas no início das suas ruas e tivessem contratado uma empresa de segurança para condicionar o acesso às mesmas, não teriam agora de "dormir de empreitada" (entre as duas e as cinco e pouco da manhã...).
Viviam descansados no CONDOMÍNIO DA RAMALHA...
Como não foram tão "influentes" quanto os munícipes da Aroeira, vivem agora no INFERNO DO TRIÂNGULO DA RAMALHA...
Como se diz no Brasil: Tem autarca que é cego!...
Só vê o que lhe interessa...

Anónimo disse...

O que está em causa não é a alegada "influência" destes ou daqueles munícipes...
O que está efectivamente em causa é a comprovada incompetência dos autarcas...
O povo não é burro a votar! Vamos esperar.

Anónimo disse...

Porque não convidar o vereador da mobilidade para passar uma noite num apartamento da rua lopes de mendonça, precisamente num daqueles perto do local em que o metro torneja para a avenida. Esta gente pensa que o desenvolvimento se faz sacrificando alguns (involuntáriamente), mas o desenvolvimento faz-se para, e com, o bem estar de todos. Mova-se uma acção judicial reclamando indemenizações, suspendendo a circulação do metro enquanto tal não acontece.

Anónimo disse...

Gostei do discurso do EmAlmada.

Espero que muitos não fiquem em casa no dia das eleições, porque não votar é quase o mesmo que votar para tudo ficar na mesma.

E Almada precisa de mudança. Já sabemos que o vereador Gonçalves vai regressar ao Alentejo, onde se prepara para perder e ficar na oposição. A MES ainda não se sabe, mas não acredito que o Jerónimo queira correr o risco de perder já Almada, vai adiar a queda para 2013.

Mas o mais certo, enfim... é a MES ganhar sem maioria absoluta e antes é que vão ser elas porque a senhora não sabe governar sem querer, poder e mandar.

Ficará então a depender de alianças.

Com o PS? Não acredito... são como cão e gato!

Com o BE? Não acredito... são como azeite e vinagre!

Pois vejam lá se a MES ainda não vai ter formar executivo com o... PSD?

O outro cenário será a vitória do PS, por maioria simples. E novamente a pergunta: fariam aliança com quem?

Com o BE? Não é de confiar naqueles esquerdistas, dão-lhe um dedo que logo o braço inteiro. Vejam o caso de Lisboa.

Voltariamos então à solução do Bloco Central? PS aliado ao PSD?

Seja qual for o resultado, o importante era quebrar o absolutismo "iluminado" da MES.

Para que Almada não perca a esperança de recuperar do atraso de 30 anos de autarcas do betão.

João Eduardo, da triste e esquecida Charneca da Caparica.

Anónimo disse...

Falando na Charneca da Caparica, é um escândalo como a Câmara aprovou a urbanização da Santa Teresa, mesmo em cima da Arriba Fóssil.

O local parece que sofreu um bombardeamento, que me entra pela janela dentro. Tudo quanto era árvore foi abatido.

Será porque o projecto é do escritório do querido director do urbanismo da MES, o senhor arquitecto Veríssimo?

João Eduardo, da Charneca da Caparica

Anónimo disse...

Claro!!!

O mais rídiculo é que este e outros senhores assumiram o cargo em exclusividade de funções, mas continuam com interesses e actividades no exterior, refugiando-se em testas de ferro. Agora o mais rídiculo é o único arquitecto com tomates daquela câmara - o eduardo campelo, antes de assumir o cargo que lhe queriam atribuir disse que não abdicava da sua actividade liberal. Resultado, foi afastado do concurso e arrumado numa prateleira, processo que os comunistas tanto criticam noutras empresas. A moral da história digam vocês.

Anónimo disse...

O arquitecto Eduardo Campelo que explique por que razão ainda não saíu da CMA como havia dito.
Seria interessante saber.

O arquitecto Veríssimo Paulo montou-se no seu estatuto de director municipal e não quer sair de lá.
Mas a dona Emília sabe que ele tem outra actividade remunerada.
E não age?

Essa questão da Charneca tem muito de escondido com rabo de fora.

A saída de José Gonçalves é um facto praticamente consumado.
Rumo ao Alentejo, onde já esteve, Gonçalves liberta-se finalmente da dona Emília.
Recordo que já para este mandato, Gonçalves era para não se recandidatar.

Quanto ao tio Jerónimo, ao aceitar que Emília se recandidate, está a fazer o seu jogo e a alinhar ao lado do capitalismo.
Mas não é este senhor e o seu partido contra o capitalismo?

Então?!?!?!?!

Anónimo disse...

Mas há mais técnicos para sair, há o arquitecto Viegas, do qual se diz estar de saída para Alcochete, para gáudio de alguns que o querem ver pelas costas, há o arquitecto Zé Pedro, que está desejoso de ir para outro lado, o que era um alívio para os mesmos, há o arquitecto Zé Quintela, que está para ir para a reforma ou mobilidade especial, e todos os outros que querem sair. Aliás, se todos tivessem possibilidade, o urbanísmo da CMA ficava reduzido aos actuais dirigentes e respectivos conjuges e amancebados, o que dava para aí 6 arquitectos.

Anónimo disse...

De facto consta que a moral entre os técnicos do urbanísmo anda muito por baixo e que nem os recentes concursos e promoções vieram animar as coisas. Anda muita gente há procura de melhor emprego. Está assim formado o caldo para o facilitismo e corrupção.

Anónimo disse...

Relativamente ao último comentário, tenho a dizer que perante aquilo que andaram a aprovar durante estes últimos anos, por mim, e tirando 2 ou 3, o melhor serviço que podem prestar a Almada é ir embora da CMA, porque, perante as aberrações que por aí abundam, ou foi distracção, ou pura incompetência para apreciar projectos de arquitectura, pernas abertas ou envelope no bolso.

Anónimo disse...

Hoje, dia 15 de Janeiro de 2009, vem publicado no Jornal Publico a possível candidatura de Paulo Pedroso pelo PS à CM Almada; depois da iniciativa tomada por este partido na realização de um forum de participação na Acadamia Almadense, era de suspeitar que esta candidatura era para avançar.Estão assim os Almadenses colocados perante uma situação no minimo bizarra, de facto as candidaturas do PCP e do PS são as que reunem maiores probabilidades de vencer, no entanto, como podem os Almadenses escolher racionalmente entre a continuação do reino da czarina e a opção de servirem de base para a recuperação de um politico que tem um passado como o de Paulo Pedroso? O desejo do PS em ganhar mais uma camara PC, sobrepõe-se ao respeito que deve ter pelos Almadenses e pelos portugueses em geral.A falta de projecção no futuro que o PS revela, uma possível vitória levaria a que os quatro anos seguintes fossem uma verdadeira tortura em termos nacionais para os Almadenses,uma autarquia que elege um individuo destes só pode ser motivo de desprezo pelo resto dos Portugueses.
Oliveira

Anónimo disse...

Nada tenho contra o Paulo Pedroso e até prova em contrário o homem é inocente. Mas o que o PS não pode ignorar é que a sua imagem publica ficou prejudicado pelo caso "casa pia". Tenha ele culpa ou não.

Ora, na política isto não pode ser ignorado. A imagem pública de Paulo Pedroso pode ser já a sua derrota anunciada.

Assim estão, de novo, a dar o ouro ao bandido dos últimos 30 anos.

A não ser que essa seja a forma que a ala "direita" do PS encontrou para queimar politicamente a sua ala "esquerda".

Tenham juizo senhores do PS e arranjem lá um candidato para ganhar e não para queimar.

João Eduardo, da Charneca da Caparica

Anónimo disse...

Candidatos a candidatos há alguns.
Verdadeiros candidatos, poucos ou nenhuns.
É cedo.
Mas tenho que reconhecer que o nome de Paulo Pedroso não é o melhor tiro do PS.
Apesar de ter sido considerado inocente, sabe-se quanto estas coisas mexem com as pessoas.
Assim sendo, das duas uma, ou o PS não está mesmo interessado em ganhar a Câmara e atira com o nome de Pedroso ou está a deitar o barro à parede.
É, ainda assim, uma jogada que em nada abona o PS.
Há alternativas credíveis mas o tempo corre.

Anónimo disse...

Quando se diz que o serviço de urbanismo da CMA é constituído por arquitectos, está-se a esquecer os engenheiros.
Não me parece correcto generalizar essa coisa da corrupção.
Vamos devagar.
Sabe-se intramuros quem é quem.
E os mais jovens técnicos não estão incluídos no lote de subornáveis.
Os outros, sabe-se lá.

Anónimo disse...

Eu para mim, que o PS não tem nenhum enterese em Almada, ou há algum acordo escondido,porque com os diparates que se teêm feito nesta cidade,a opusiçâo tinha como Mes com batatas, porque a M da obrasinha do metro, e o que fizeram na avenida so isso bastava para tirar-la a baixo.

Anónimo disse...

Já que falam dos arquitectos e engenheiros do departamento de urbanismo, cá para mim o problema nem está tanto nos técnicos nas nos seus dirigentes que são que traça as políticas.

Os técnicos são funcionários, obedecem e têm de aplicar a política urbanística da da CDU/MES, mesmo quando não concordam.

Só que a MES tem a mania que percebe de urbanismo e é ela que decide e protege os seus no urbanismo como o arquitecto Carlos Dias, que veio do Seixal, e a advogada Ana Lousa que veio da prateleira da Câmara da Amadora, para Almada, pela mão invisível do PCP a manipular os concursos.

Já parece esquecido... mas foi em 2006. A MES mandou anular os concursos que tinha aberto em 2005 para os voltar a abrir em 2006 e meter lá o Carlos Dias e a Ana Lousa.

Foi na altura que vieram uma série de técnicos de Loures para tomar conta de lugares de chefia em Almada... apenas pura coincidência.

Depois falam de ética... e da sua falta nos outros.

Quem se safa sempre no meio destas tormentas é o arquitecto Veríssimo... sempre a tratar dos grandes projectos no concelho.

É fartar vilanagem!

Anónimo disse...

Esta 6ª feira, 16 de Janeiro, a partir das 16h00, um grupo de cidadãos de Almada vai celebrar a criação da nova zona pedonal de Almada. Esta festa de rua visa reclamar um espaço que legalmente pertence aos peões, mas que, na prática, continua a ser atravessado por um elevado número de veículos automóveis, com ou sem autorização. Os cidadãos pretendem defender o seu direito a circular pela zona pedonal sem que seja posta em causa a sua segurança e a saúde pública.

Anónimo disse...

Realmente isto está entregue à bicharada. As suspeitas sobre o urbanismo já tresandam, há grandes galifões a mamar nas duas tetas - na dos construtores e na da CMA, que é o mesmo que dizer no dinheiro dos contribuintes. Há bons técnicos na CMA, que são gente interessada e empenhada, mas são dirigidos por gente que finge perceber de horta, e que está mais interessada em fazer discursos bonitos para a MES, do que a resolver os problemas do concelho. A CMA é uma máquina trituradora de técnicos, dá-se ao luxo de arrumar na prateleira dois dos mais competentes, experientes e conhecedores arquitectos do urbanismo - Zé Pedro Lima e Eduardo Campelo, que, por artes e magia são afastados do processo de revisão do PDM, dando de bandeja a coordenação deste plano ao arquitecto Veríssimo Paulo, ou seja dando o ouro ao bandido. Que lhe faça bom proveito.

Anónimo disse...

Está demonstrado que o PS não realmente interessado em conquistar a CMA, nunca acertou num canditado. Convida as estrelas da companhia, mas Almada é uma terra que dá mais valor aos locais, enquanto não perceberem isso e não prepararem um canditado local não levam a câmara. Quem vai ganhar com isto é o Bloco, porque é para aí que vai convergir o eleitorado descontente com a lista do PS, e com a sua acção governativa, assim como o eleitorado da CDU, descontente o governo local de MES.

Anónimo disse...

O PS está interessado em Almada mas joga com as cartas viciadas.
Sei o que digo e tenho quase a certeza de que esta jogada do PS é um balão de ensaio.
A ver vamos.

Entre o Veríssimo Paulo e o PDM aparece o Paulo Pardelha que já confessou não perceber nada do assunto mas terá que responder à chamada.

Nos Recursos Humanos a vergonha é maior.
Lidera a incompetente Manuela Molha que tem como braço mais ou menos direito a execrável Teresa Almeida. Esta, também, uma rebuscada falhada em tempos que não vão longe.

Anónimo disse...

O grande problema é que em nenhuma cidade que asi se considere se pedonaliza principal eixo da cidade, se pedonalizam as ruas adyancentes a estes grandes eixos. Se não viajem pela Europa, mesmo aqui ao lado na Espanha e aprendam a facilitar a vida ao cidadão e não a incomodarlo como parece ser o propósito da CMA. o que fizeram com Almada é uma aberração que não tem nem pés nem cabeça, por este motivo é que Almada é um deserto.

Luiz.

Anónimo disse...

Quem manda no PDM é a MES. O Veríssimo está lá para fazer tudo o que ela manda e proteger os seus clientes. Por isso havia que afastar o José Pedro e o Eduardo Campelo.

O Paulo Pardelha ainda é um menino nas mãos do Veríssimo e vai fazer o que ele mandar e mais nada.

O polvo está montado e a funcionar: o arquitecto José Lima Ribeiro, sócio e testa de ferro do Veríssimo, tem quase todos os grandes clientes de Almada, como a FINANGEST ou o LIDLL; o controle do planeamento está assegurado pela falta de autonomia do Paulo Pardelha; no controle do licenciamento está um outro amigo do Veríssimo, colocado lá por ele para não o chatear, o arquitecto Carlos Dias.

Isto é já um caso de polícia, a MES sabe de tudo isto e ainda apoia, vá-se lá saber porquê...

Só mesmo com a queda deste executivo é possível matar o polvo do betão do Veríssimo/José Lima Ribeiro.

Anónimo disse...

Há muitos problemas que começam a ser casos de polícia.

Quem compra quem?
Quem se deixa vender e a quem?

Anónimo disse...

A CÁMARA DA LATINHA







A nova alcunha da Cámara de Almada é 'LATINHA'...

A gente anda pela rua e aponta para as portas fechadas e diz:




LÁ TINHA uma loja...



LÁ TINHA uma fábrica...



LÁ TINHA um armazém...



LÁ TINHA trabalhadores...



LÁ TINHA um sonho...



LÁ TINHA esperança...



LÁ TINHA uma escola...



LÁ TINHA um serviço de urgência...

LÁ TINHA uma avenida...



LÁ TINHA esperança de dias melhores...

















-







--------------------------------------------------------------------------------
Veja mapas e encontre as melhores rotas para fugir do trânsito com o Live Search Maps! Experimente já!

Anónimo disse...

Paulo Pedroso candidato pelo Partido Socialista à Câmara?
Oh NÃO!

Que fizeram de mal os almadenses ao Partido Socialista?

Anónimo disse...

Quanto mais se falar de um candidato a candidato que o mais certo é ficar por aí, mais se enriquece o ego de MES.

O PS tem alternativa e vai jogar com ela.
Verdade, sr. Mendes?
Ou será a filha de... bom, fico calado. Por enquanto.

A seu tempo veremos.

Anónimo disse...

"A melhoria das condições de mobilidade dos cidadãos, a qualidade do ambiente urbano, a qualificação do espaço público e o desenvolvimento económico que a população de Almada deveria estar a usufruir já de há 3 anos para cá, só hoje é uma realidade. E esta foi possivelmente, a principal “obra” que a CMA fez em todo este projecto!"

É UMA REALIDADE? O quê?

Foi lido numa Assenbleia Municipal pelo PS em Dezembro 2008.

Quem escreveu
ou não reside em Almada
ou não conhece actualmente Almada
ou então sugeriu Paulo Pedroso candidato à Cãmara Municipal de Almada.

Anónimo disse...

LIDER DE AUDIENCIA!!!! PROGRAMA NÓS POR CÁ! É FACIL! FAÇAM QUEIXAS DESTA ALMADA QUE TEM DE TUDO PARA RECHEAR ESTE PROGRAMA DA SIC COM NOTICIAS INSOLITAS, MACABRAS E SURREAIS! ALMADENSES TOCA A MANDAR EMAILS PARA O NOS POR CÁ DA SIC!

Anónimo disse...

No princípio da semana ocorreu um grave acidente com o MST envolvendo um peão na trajecto da estrada do Laranjeiro.
Alguém leu o acidente na comunicação social?
A não publicação da ocorrência nos media demonstra o controle dos vários poderes interessados em esconder acidentes com o eléctrico-MST que possam colocar em causa os erros da concepção do traçado,do projecto e da câmara.

Anónimo disse...

É preciso "branquear" o produto MST...
Não é de agora, as linhas de caminho de ferro com passagens de nível sem guarda sempre deram estes resultados!
TEMOS DE FICAR ETERNAMENTE GRATOS À CZARINA...
BEM HAJA PELO "progresso" QUE TROUXE À NOSSA TERRA...
Assim, alguns de nós, chegarão mais cedo ao seu destino, quem sabe se ao hospital Garcia de Orta ou ao cemitério do Feijó...
Para estes destinos só não poderemos ir é de comboio, têm de nos levar de âmbulancia ou de carreta funerária...

Anónimo disse...

Parece que houve hoje uma manifestação de moradores de Almada em defesa da zona pedonal e contra a circulação de automóveis, que acabou com bastonadas da PSD e dois manifestantes na Esquadra.

Vi as imagens da SIC e ouvi uma menina manifestantes, com sotaque de leste, a protestar contra o facto de haver acesso automóvel a um estabelecimento de ensino mesmo no centro da cidade.

É este fundamentalismo que a desastrada decisão de pedonalizar o centro da cidade vai provocar e vão aumentar os conflitos entre os habitantes "pedonais-radicais" e os usam o automóvel.

Quando a cidade deve ser um espaço de democrática concertação dos interesses de todos.

Mas o radicalismo pequeno-burgues destas soluções "modernas" dá nisto....

Anónimo disse...

Bastonadas da PSD? Ou terão sido da PSP?
É nitidamente uma "gralha".

O acesso a que essa menina com sotaque de leste se referia é ao Frei Luis de Sousa.
Curiosamente, qualquer viatura que pretenda abastecer o refeitório e/ou o bar desse estabelecimento de ensino, só o pode fazer depois da ECALMA lhe emitir um documento a dizer que o pode fazer, já que para o efeito têm, as referidas viaturas, que percorrer aquele pedaço de rua que liga a Praça do MFA ao Frei Luis de Sousa.
Surrealista ou talvez não.

Anónimo disse...

Hoje mais um assalto (de novo) a uma ourivesaria na Av. da Fundação na Cova da Piedade?

Consta que veio a falecer a vítima do acidente com o MST no Laranjeiro.
Quem poderá dizer se é verdade?

Anónimo disse...

Sim, foi verdade.
Por um triz o proprietário da mesma safou-se de morte certa.

Sobre a vítima do Laranjeiro nada sei.