sexta-feira, outubro 03, 2008

Autocarro Municipal Testa Espaço Canal do MST

Em...Almada, a Câmara Municipal já está a testar o espaço canal do comboio MST como futuro local de estacionamento de viaturas para cargas e descargas, enquanto se mantiverem as actuais e estreitas faixas de rodagem.
No dia 2 de Outubro de 2008 pelas 8 horas da manhã, um autocarro do município, estacionou sobre as ferrovias do espaço canal do comboio, na Av. 25 de Abril, para permitir a entrada de excursionistas, provavelmente da Junta de Freguesia de Cacilhas.
Foi uma oportunidade para os munícipes assistirem a uma demonstração das capacidades multiuso do espaço canal do comboio, no contexto da abrangente requalificação urbana do suíço Plano de Mobilidade Acessibilidades 21 pago pela CMA, para "facilitar" a vida aos cidadãos.
para aumentar clique sobre as fotos
Foi um excelente exemplo da CMA, perante um aviso aos automobilistas colado no bonito e estético poste da catenária, chamando a atenção para a circunstância dos comboios andarem a circular em teste. Porque não cumpriu este autocarro o recomendado no Aviso?
Só faltou a presença dos pedagogos fiscais da Ecalma para multar a proprietária da Viatura, a CMA, por infracção ao Código da Estrada e desrespeito ao aviso da MTS - a Concessionária do comboio.
Se fosse autocarro de uma empresa privada certamente teria a didáctica e pedagoga Ecalma à perna, para passar a multa.
Esta não é a Almada dos almadenses.
Para dignificar Almada, nas próximas eleições não se abstenha de votar. Vote sempre num partido, que não CDU/PCP ou outro em que os actuais "autistas" autarcas se venham a esconder, pois só assim será possível varrer a incompetência que nos vem massacrando há mais de 30 anos.
EmAlmada agradece a colaboração de cidadão

33 comentários:

Anónimo disse...

Respeitar regras e dar bons exemplo, porquê?
Consideram-se em sua propriedade.

Mário Emílio disse...

Uma imagem diz mais que mil palavras...

Anónimo disse...

Estupidez completa e absoluta.
Mas nada de grandes admirações.
A nossa senhora Câmara faz o que quer.
Não foi decerto o motorista que tomou a iniciativa.

Votem bem.
Estamos a um ano das eleições e é altura de começar a pensar muito bem no que fazer.
Ou melhor, em quem votar.
A abstenção não será bem vinda.
Sabemos porquê.

Anónimo disse...

Mas agora, ainda pode estacionar no tal "espaço-canal"... a partir de 6 de Outubro onde ficará a dita camioneta?
Na rua da Junta de Freguesia, a interromper o trânsito? Na avenida?
Vai ser bonito, vai...
E sobre a Rua Bernardo Franc. da Costa: sob pressão dos comerciantes já se pode subir de carro, a dita rua... mas descer ainda está a tracejado, i.e. agora pode, agora não pode, agora pode outra vez...
Será para reservar os estacionamentos para os funcionários da AGENEAL? Eles deviam dar o exemplo e ir a pé ou de transportes públicos, mas não me parece que assim seja... Observem e falemos depois.
A PONTA DO VÉU

Anónimo disse...

Sem comentarios. Que vergonha!!!
Viva el comunismo!!!

Anónimo disse...

Os exemplos vêm de cima!
Belo apanhado!!!

Al-Ma'dan disse...

Esta era uma boa imagem para enviar para o "Nós por Cá". Palavras para quê ?

Anónimo disse...

Não esqueça, anónimo das 7.07, que as televisões estão AMORDAÇADAS...".
A publicidade "paga" o silêncio. Certo?
Por mais que uma vez foram entregues pelos moradores dossiês completos aos orgãos de comunicação social...
O "lápis azul" da C.M.A. tem funcionado sempre, tal como no antigamente...
Até quando?...
A comprová-lo, com frequência, vamos tendo notícias do Metro do Porto... (comboio que usa algumas das antigas linhas da CP...).
Do comboio regional Almada/ Moita, moita carrasco...

Anónimo disse...

As fotos de situação real, são antevisão da utilidade futura do espaço canal antes de se fazer daqui a meia duzia de anos a reconversão da avenida para a devolver aos cidadãos.

Anónimo disse...

Em casa de ferreiro espêto de pau.

É a conduta de poderosos frágeis, sem personalidade nem caracter.
Na política fazem o mesmo.

Destruiram Almada e não são capazes de reconhecer erros.
As fotografias são exemplares.
O condutor não podia estacionar na faixa. Entupia o trânsito.
Não tinha alternativa.
Esta gente da Cãmara o que fez não foi por Almada. Foi por eles e para eles. Fez negócio.

Esta é infelizmente uma das muitas imagens da destruíção de Almada por comunistas que não prestam.

Anónimo disse...

Só uma questão: era a Presidente da Câmara quem conduzia aquele autocarro? Era algum Vereador?

Tanto disparate! É óbvio que o autocarro municipal não podia estar ali estacionado. É óbvio que aquela situação não podia ter acontecido. É óbvio que está errada! Mas volto a perguntar: era a Presidente da Câmara Municipal quem o conduzia? Algum Vereador?

Ora, deixem-se de mesquinhices, porque mesquinhos é o que são ...

Anónimo disse...

quem disse que era a presidete da câmara ou vereador que conduzia o autocarro?

Isso era impossível porque a presidente da Câmara, "boa comunista" que é, faz-se transportar de BMW gama alta comprado com dinheiro da população, conduzido por "Chaufeur".

Quanto aos veraeadores também era impossível porque eles conduzem sempre em serviço e privado os Prius comprados com o dinheiro da população almadense.

Bons comunistas e exemplares, presidente e vereadores deveriam andar de bicicleta, a pé, nos TST ou de metro.
SE usassem carros deveriam ser baratos e de baixa cilindrada, tipo "Trabanta" da Rússia.

Não se faça confusões Almada está a sumir-se por accção de incompetentes cripto comunistas.

Al-Ma'dan disse...

Caro anónimo de Sábado, Outubro 04,2008 11:20:00 PM,
Quando me referi ao programa "Nós por Cá", pensei em alguém que tenha uma cunha na SIC. Quanto ao lápis azul que refere também eu já fui vítima dele, precisamente no programa "Nós por Cá". A nossa democracia é assim: brinquem, brinquem, mas não abusem!
Ou seja, de democracia isto tem muito pouco, tal como é muitíssimo pouca a democracia cá no burgo: aqui temos uma czarina à moda russa, que põe, dispõe, e controla a seu belo prazer com o dinheiro dos contribuintes. Ora bolas para esta democracia ou será melhor chamar-lhe autocracia ?

Anónimo disse...

"Lápis azul" na SIC do Balsemão? Será que li bem? Será que o al-ma'dan não se enganou nem nada? Até fiquei estonteado, vindo de onde vem. "Lápis azul" na SIC do Balsemão!!!!!!! Nãããããããããã! Engano seguro do al-ma'dan! Senão onde estão as virtudes? Já não há virtudes? Já ninguém tem virtudes? Então onde fica o apelo desesperado para se votar não importa em quem para derrubar a CDU? E todas as outras diatribes que por aqui vêm aparecendo?

Pois é, esta do "lápis azul" na SIC do Balsemão é que eu não esperava mesmo! Não esperava. Mas ainda bem que foi o al-ma'dan a dizê-lo. Uff, imaginem que tinha sido eu ...

De qualquer forma, e não sendo eu nada adepto da SIC do Balsemão, quer cá parecer-me que os critérios usados são mais outros, apesar de tudo, digo eu. E um desses critérios poderá ser até a "qualidade intrínseca" daquilo que é mandado para o tal programa "Nós Por Cá", isto na óptica do programa e, ainda que à distância, também na do seu dono. Se calhar, al-ma'dan, eu se estivesse no seu lugar pensaria melhor. Provavelmente não terá sido um problema de censura que o afectou no "Nós Por Cá". Penso que terá sido mesmo é falta de "qualidade intrínseca" da matéria que sugeriu... Isso a mim far-me-ia reflectir ...

Quanto ao anónimo dos carros e dos condutores de carros, só uma correcção (dupla): não era "Trabanta", era Trabant, e não era da Rússia, era da República Democrática Alemã. Mas isso pouco importa, desde que seja para dizer mal, tudo serve ... Vá lá, e agora venham lá todos, ou alguns só, não me importa, dizer que passo aqui a vida a corrigi-los. Venham, que eu gosto ...

E reforço o que disse no meu último comentário: deixem-se de mesquinhices! Embora saiba que este apelo nada significa, porque para além de serem mesquinhos, de concreto e substancial vocês não têm nada para dizer. A não ser pegar em tudo o que vos possa "cheirar" que vos permite dizer mal, nem que seja a coisinha mais pequenina e insignificante de todas.

Já conhecemos o tipo; pode ser que de tanto dizer mal alguma coisa passe para os mais incautos. Mas ...

Anónimo disse...

Tá à vista. Tem a lição estudada pegou no isco similar do Trabant da RDA, como se RDa ou Rússia não fossem da mesma trops fandanga.
Afinal sabe de que falamos.

Mas de BMW topo de gama com Chaufeur e dos Prius dos "Variadores" fugiu como diabo da cruz.

Assim é que é!
A lição está bem estudada. Nota 20 para o desempenho.
Continuem a estrebuchar que valem o mesmo,... nada.

Anónimo disse...

Percebe-se que a intenção de alguns dos que aqui aparecem o fazem na desesperada tentativa de limpar a imagem muito suja da administração MES.
Já não há possibilidade de qualquer limpeza.
Só por disciplina partidária ou por facciosismo se pretenderá defender o indefensável.

Entretanto é interessante reparar no desvio que se tenta fazer ao que de importante se passa.
Como nada de mau se passasse e andássemos todos num mundo lindo e limpo.

Almada, cidade e concelho, vão ficando progressivamente descaracterizados por causa da incompetência.
MES e os seus pares estão a conseguir o que querem.
Destruír.

Porque a intenção destes "senhores", sabendo que não são eternos, é deixar o peixe podre par os vindouros.
E clamar bem alto a célebre frase: quem vier atrás que feche a porta.

Al-Ma'dan disse...

Caro anónimo de Domingo, Outubro 05, 2008 4:34:00 PM,
Claro, se fosse a sua câmara que fosse censurada na SIC, era o capitalismo e os seus protagonistas que eram uns malandros. Como é um simples cidadão, então os capitalistas já são bons e a qualidade da matéria apresentada pelo cidadão é que é intrinsecamente má!
Mais uma vez o vosso sectarismo no seu melhor: o capitalismo é mau se não for por vós, mas já é bom se for por vós. Aliás, a SIC como boa empresa capitalista que é, não é por vós, é pelo vosso dinheiro que por acaso é nosso, de todos os contribuintes. Não fosse a CMAlmada cliente da SIC e tudo seria bem diferente.

manga de alpaca disse...

A MES gasta rios de dinheiro da Câmara nas TVs em autopromoção escondida de publicidade a Almada.
Almada só precisa que a Câmara e os "operários" que a controlam não destruam o concelho e a cidade.
Ela tem assim as TVs sob controlo.

Isto é chantagem social-fascista.

Anónimo disse...

Al-ma'dan,

Você é "pior" do que eu pensava até agora. Nem discernimento tem! Só falta dizer que a CM Almada manda na SIC do Balsemão! Só falta mesmo isso. Porque de resto, você já disse tudo.

Só o mais absoluto desespero pode levar alguém a pensar que a SIC do Balsemão se condiciona por umas migalhas que lhe entram no orçamento pela via da publicidade que a CM Almada faz naquela estação televisiva. Você, al-ma'dan, é ridículo com estas insinuações. Julga que alguém com um mínimo de bom senso vai na treta da sua conversa? Então a SIC do Balsemão "censura" munícipes de Almada porque a CM Almada lá faz alguma (pouca, muito pouca, e ainda menos se considerarmos o "budget" da publicidade na SIC ...) publicidade? Você está a querer fazer-nos rir a todos? Ou está mesmo é desesperado?

Volto a dizer: deixem-se de coisas mesquinhas. Tratem das coisas sérias. Sei que é difícil para vocês. Do al-ma'dan, por exemplo, ao longo deste tempo todo ainda não consegui ouvir (neste caso, ler) uma única proposta construtiva. Nada! O vazio mais absoluto! Dizer mal, oh isso está aí para as curvas. Mas construir alguma coisa ...

E esta da SIC, então, é de bradar aos céus! Assim está o manga de alpaca, que provavelmente será um cognome do al-ma'dan ...

Anónimo disse...

Exmo Anónimo 9:24 PM

Explique ao pessoal porque a sua tia Emília se faz transportar em BMW topo de gama, com condutor até para ir à cabeleireira,ao SPA, pertinho da sua maison e não utiliza um meio de transporte mais amigo do ambiente: bicicleta ou caminhando.

Anónimo disse...

Peço desculpa é
Exmo Anónimo das 9:42 PM

Anónimo disse...

Com isto tudo quem sai lixado é o motorista, que vai levar com uma processo disciplinar, para exemplo, e se calhar vai acabar na rua ( por ter colocado a CMA de MES em tão mãos lençois), atentem no comentário do sr. vereador que perguntou se era a presidente ou algum vereador a conduzir o autocarro. Isto tudo porque o desgraçado não encontrou alternativa, senão a de invadir a faixa de circulação do comboio.

Anónimo disse...

Quem tem de levar um processo disciplinar e ir para a rua é a presidente da Câmara e os vereadores que lixaram Almada.

Esse processo disciplinar vai ser levantado pela população para o ano.

O motorista tal como os almadenses, todos os cidadão que vêm a Almada, é vítima das asneiras daqueles autarcas.

Fernando Sousa da Pena disse...

Caro EMALMADA, peço desculpa por insistir no tom da resposta, mas acha mesmo que a oposição que temos no concelho merece a confiança dos eleitores e mobilizá-los-á para irem votar?

Tantos anos de falta de uma ideia para Almada, de política de sótão, de mesquinhas cumplicidades, de candidatos absurdos, serão capazes de gerar uma alternativa credível?

Esta é a triste sina dos almadenses...

Al-Ma'dan disse...

Caro anónimo de Domingo, Outubro 05, 2008 9:42:00 PM,
Se alguém aqui está desesperado só pode ser você e a sua câmara municipal. Porque a mim não há nada que me desespere: não estou em riscos de perder cargo ou tacho algum, portanto…
Se por aqui ando é apenas para dignificar Almada, não o faço para defender nem interesses pessoais nem partidários, contrariamente a si que deve de andar a defender os seus interesses e os do executivo camarário além, é claro, dos do seu partido. Portanto, bem vê, se alguém anda à rasca é você!
Quanto à SIC, ainda bem que foi você que disse que eu não disse que a CMAlmada manda na SIC de Balsemão. E não disse, porque não é verdade. Mas, há muitas maneiras de mandar. As direcções de informação das estações de televisão possuem directivas de trabalho e além disso a censura começa muitas vezes nos próprios jornalistas que é o que chamam de auto-censura. Enfim, há muitas formas de dar a volta a muita coisa. E você sabe-o bem, mas como não lhe dá jeito reconhecê-lo…
Relativamente a propostas construtivas faço-as às instâncias e nos locais próprios.

EMALMADA disse...

Respondendo a Fernando Sousa da Pena:

1.Diante dos problemas quotidianos com que a cidade e o concelho se deparam, a população questiona se haverá oposição em Almada e, mesmo assim colocam outra questão: se dizem existir oposição esta é credível?
Julgo que não, porque não mostra quem é, o qué e o que quer para Almada, para além de nunca dialogar com os munícipes!
Os munícipes não vêem nem sentem a existência da oposição.
Os partidos da oposição não fazem política de proximidade dos cidadãos.
Provavelmente alguns elementos da oposição estão mais interessados em defender os seus interesses pessoais e/ou das empresas onde se empregam e que fazem trabalhos e serviços para a CMA.
Não destrinçam serviço público de interesses pessoais. São especialistas "especiais" neste nicho de promiscuidade com o poder instalado.

2. Neste momento a única saída que vejo está no exercício da cidadania através da consciencialização dos munícipes para os graves problemas do concelho criados por uma gestão, autoritária, danosa e muito ruinosa para o concelho e seu futuro.
O exercíco da cidadania poderá levar os cidadãos a votar para baixar a abstenção e acabar com a maioria global-capitalista de máscara social-fascista que vem destruindo Almada nos últimos 30 anos.
Uma vez que é muito difícil um moviemnto cívico concorrer com as máquinas partidárias e com os interesses que se escondem por detrás dos partidos é preciso votar, Votar em qualquer partido.

Só aceitaria e defenderia a concentração de votação num partido da oposição ou uma coligação se de facto se apresentasse (m) com credibilidade e compromisso fixe com o eleitorado.

Tem razão, Fernando Sousa da Pena, faz falta uma ideia ( da oposição )para Almada.

Nunca nenhum partido da oposição foi capaz de mobilizar os almadenses para debater os graves problemas que Almada tem vivido e vive actualmente. O nunca terem feito isto já define e caracteriza a "oposição" ou "oposições" que temos no concelho.

EMALMADA disse...

QUERO CLARIFICAR QUE QUANDO DIGO

QUE É PRECISO VOTAR EM QUALQUER

PARTIDO POLÍTICO,ESTOU A REFERIR-ME

A TODOS MENOS À CDU/PCP OU OUTRO

QUE APOIE OU VENHA A APOIAR A

ACTUAL GESTÃO DA CMA.

Ponto Verde disse...

Pois é, obras contra-natura e contra qualquer lógica de ocupação do espaço , é no que dá...

VOTAR É PRECISO , MUDAR É URGENTE!

Anónimo disse...

Concordo com o em almada.
É preciso votar para que estes senhores não continuem no poder.
Votar mas não na CDU.
Já temos desgraças suficientes.
Esta administração tem demonstrado total ausência de escrúpulos.
Não olham a meios para atingirem os fins.

Permitam-me deixar um nota.
Por que razão o Sr. Silveira, dono da ex SILAROEIRA, actual SILCOGE, gosta tanto de negociar com MES?

A resposta seria sincera e demonstrativa do que MES faz para conseguir as suas negociatas.

Anónimo disse...

A propósito da Aroeira e das "facilidades" que são/foram concedidas aos seus promotores (antigos prietários)...
Há por aqui alguém que saiba explicar a legalidade de um serviço de "portaria" à entrada do do dito empreendimento da Aroeira?
Será que qualquer grupo de moradores (com influências na CMA...) também pode edificar uma portaria do género na sua rua?
Será que as ruas do Concelho de Almada não são todas do domínio público?
Em Almada tem mais força, a força do dinheiro.
Quanto a democracia estamos conversados, com cerca de 20% dos votos temos uma ditadura...

Anónimo disse...

Boa!, porque é que não levaram a euro deputada Ilda Figueiredo a visitar a Herdade da Aroeira (para não falar do camarada Jerónimo), era interessante mostrar a dita senhora que aqui os comunistas priveligiam a segregação do espaço público entre o espaço público que margina os pobres e remediados e o espaço público que margina os ricos (alguns deles bem sucedidos traficantes de droga), era bom fazer uma demonstração dos métodos da secreta israelita usados pelos seguranças desta urbanização para dissuadir os cidadãos de passear a pé ou de carro nestas ruas do concelho que só estão abertas aos ricos.

Anónimo disse...

Anónimo das 10:58:00 PM

É ilegal o que se passa na herdade da Aroeira no que diz respeito à existência do portão referido.
E a Câmara sabe o que se passa.
Se não actua e porque não actua seria
de bom tom que alguém responsável da autarquia dissesse.
Tanto quanto sei alguém terá dito a alguém que fechasse os olhos.
E os senhores habitantes da herdade pensam que aquilo é deles e que têm o direito a barrar a entrada a quem queira entrar.

Surrealista mas verdadeiro.

Anónimo disse...

Ò meus caros em relação ao Autocarro se era a Srª Presidente ou algum Vereador a conduzir!!!
Claro que não era, pois esses têm estacionamentos RESERVADOS.
Era sim um trabalhador sem condições de trabalho, que provavelmente tambem será um Municipe.
Alem de quem usa o Autocarro no fim da viagem responde a um questionário sobre o desempenho do condutor.
Só posso dizer, ESTA DEMOCRACIA DE ALMADA ESTÀ COM 30 ANOS DE PODRIDÂO