sexta-feira, fevereiro 01, 2008

O Subdesenvolvimento ao lado do "Futuro" da Presidente da Câmara

Em...Almada, a presidente da Câmara Municipal ufanosamemte quer-nos convencer que o futuro chegou à Cova da Piedade.
A sua conversa deve ser só para convencer aqueles que ainda pensam que um metro de superfície é uma raridade mundial e que só pessoas competentíssimas e de "elevada" craveira democrática e "dedicação" ao povo o poderiam trazer para Almada.
Propaganda mais oca, inconsistente e contraditória para enganar aqueles que se deixam, não há.
Ao lado deste painel na Cova da Piedade fazendo a apologia de um "futuro", existem as imagens reais que as fotos seguintes revelam, e que mão amiga nos fez chegar.
É o subdesenvolvimento bem sustentado pela mesma Câmara que nos anda constantemente a atirar poeira para os olhos.
É a Almada que os almadenses não gostam de ver e não desejam, mas que a Câmara Municipal cultiva e alimenta, defraudando-nos ao mesmo tempo que diz ter uma gestão exemplar e boas contas.
Para onde vão os dinheiros destinados a limpeza urbana?
A situação aqui mostrada existe porque as autarcas que gerem o munnípipo não se preocupam com o bem estar dos munícipes, nem com a limpeza e embelezamento do espaço público.
Fazem muita fumaça mas trabalho eficaz nada. A Câmara tem aversão à limpeza urbana.
Moradores da zona já denunciaram junto dos serviços municpais várias vezes a situação, mas a imcompetência municipal continua a reinar para mal de Almada e dos almadenses.
clique nas fotos para aumentar
Situação nas traseiras de prédios da R.Dr. Alberto Araújo para a Av. Bento Gonçalves, na Cova da Piedade

Para completar, mostramos o perigo que xiste no passeio da Av. Bento Gonçalves, que dá para o "belo" local revelado nas anteriores fotos, onde não existe qualquer protecção para peões, correndo estes o risco de cair para o vale, por distracção.

Não tenhamos ilusões.
Andam a enganar-nos. Este é o futuro real que esta Câmara miseravelmente nos dá Esta não é a Almada que os almadenses desejam !

14 comentários:

Anónimo disse...

Depois da civilização do automóvel, o que se seguirá.
Este é o outro Boletim Municipal que os Almadenses também devem conhecer. Este passeio é perigoso para invisuais, crianças, defificientes motores, pessoas com sensibilidade e bom gosto. Não se pode ir, nem olhar para além da faixa branca. Almada e os almadenses são capazes de fazer melhor, muito melhor, mas há coisas que deviam envergonhar-nos.

manuel a. maia disse...

Imagens que mostram que os autarcas de Almada não são o que dizem.
Para eles cidadão não é merecedor de consideração.
Nasceu para obedecer.
A foto última revela desumanidade para com aqueles que portadores de uma dificiência física ou devido a idade ficam mais vulneráveis a perigos.
É a CÂMARA MUNICIPAL e os BONS AUTARCAS que INFELIZMENTE TEMOS.

Ponto Verde disse...

O que interessa é a propaganda!!!

Pedro Santana disse...

E se a cultura portuguesa fosse em prol da preservação e da limpeza urbana, talvez a Câmara Municipal não fosse acusada de ser a grande "má" educadora da população.

Este culto da badalhoquice e do "nossa senhora não te rales" que se vive em Almada e em em Portugal, mostra que mais do que ineficácia municipal das autarquias, a população é que devia ter noção e mais zelo. Mas não. Vamos ser uns porquitos porque as Câmaras Municipais é que têm de limpar a merduxa que fazemos.

Desculpem o tom agressivo. Mas a realidade é esta. Os portugueses são desmazelados, desinteressados e sobretudo desencantados. Quem conhece a Europa bem, sabe bem daquilo que falo. Noutros países europeus, se o cidadão não separa ao lixo e não o recicla, arrisca-se a ficar com ele à porta a apodrecer. E ninguyém culpa a Câmara Municipal...

enfim...

pedro de almeida disse...

Isso acontece em outros países porque os serviços de limpeza urbana funcionam e bem. "À Cause" disso "la municipalité" exige o cumprimento de normas.
E aqui como é?
Levam-nos o pilim nas taxas e tarifas, ma limpar tá quieto!
Pagamos para recolher, temos de separar e depois constituem empresas municipais para limpeza que nada limpam em condições aceitáveis, nem recolhem os lixos a tempo e ficam-nos com o dinheiro.
São bandos organizados para empobrecerem as populações e ainda querem que estas trabalhem para eles.

O povo não é parvo, nem os eleitos estão acima do povo para o chicotearem e lhe exigirem pagamentos para o colectivo, que depois sabemos onde vai parar.
Fora com a gatunagem instituída.

pedro de almeida disse...

Que diz o pedro santana do passeio perigoso para os peões?
Também é o povo culpado?
Aqui quem deveria ser multado(a)?
Ao contrário até é capaz de ser recompensado(a) com uns milhões.
E viva o velho!

Observador disse...

Queremos uma Almada substancialmente melhor.
Não me interessa que noutros locais, regiões ou países haja negligência, existam buracos, sujidade, etc.
Sabemos que a globalidade não passa por um mundo justo.
Para que servem as quase constantes viagens dos governantes almadenses e colaboradores ao estrangeiro? Para de lá trazer os ensinamentos positivos ou antes o que de pior se encontra?

E por falar na Cova da Piedade.
Local: esquina da Av. Fundação com a Rua Pedro Matos Filipe.
Assunto: um imóvel que agora é menos imóvel porque está em ruínas.
Um dia a casa vem abaixo - já faltou mais - e como será?
É este o futuro da Cova da Piedade?

EMALMADA disse...

primeiro anónimo
Temos vergonha desta Câmara eleita pelo voto popular que despresa e humilha Almada e os almadenses.

EMALMADA disse...

manuel a. maia
A situação citada do passeio, infelizmente não é caso único nesta terra.

EMALMADA disse...

ponto verde
por isso gastam indevidamente dinheiro dos almadenses em Boletins Municipais, painéis publicitários, festinhas e viagens disfarçadas de acções de solidariedade para tentar enganar o povo.

EMALMADA disse...

pedro santana
Se os da Câmara são tão cultos deveriam ser mais comedidos nas suas acções e na utilização dos dinheiros do município para que, com o seu bom exemplo "educassem" os incultos munícipes.
Essa coisa de dizer que os portugueses são isto e aquilo não me parece bem porque afinal cada um de nós é português.
Será que quando nos olhamos no espelho vemos uma imagem de um português perfeito que não somos nós ou que não somos capaz ou não queremos assumir?

EMALMADA disse...

pedro de almaeida
O dinheiro voa gasto por incompetentes e irresponsáveis.

EMALMADA disse...

observador
Essas viagens são mais de turismo que qualquer outra coisa. Disfarçam-nas de acções de apoio solidário e colaboração com outros povos para justificar os gastos de dinheiros do municipio.
Como justificavam uma viagem às Caraíbas ou a Cancum sem acções de misericórdia?
E não aprendem nada porque à partida não vão para aprender é para passar umas férias democraticamente à custa do erário.
Dizem que os acompanhantes convidados pagam mas eles dizem-nos que foram convidados tá....?
e mais não digo.
Quando viajam a congressos, forum etc, fecham os olhos a tudo positivo e nem sabem aproveitar o que é bom e como ficaria bem em Almada.
Temos um excelente exemplo no MST, que foi muito mal copiado.
Pessimamente!

Anónimo disse...

Soy español y hace un año que vivo en esta, ciudad? por eso disculpen que escriba en mi idioma.

Que pena que las personas que aquí viven no quieran ver en el estado tan lamentable y el desleixo en que los poderes de esta cámara mantienen a esta población.

En mi país también se hicieron grandes centros comerciales, pero para minimizar el daño que estos iban a causar al resto del comercio y para que el centro no perdiese su caracter aglutinador de la población, se arreglaron las calles, los paseos, se crearon infraestructuras para que los coches pudiesen estacionar, se dieron subvenciones a coste cero para arreglar edificios, los servicios municipalizados y otros nunca salieron del centro, los mercados municipales se cuidaron y ampliaron, se potenciaron los mercados al aire libre y en las plazas, cuando el clima lo permite, siempre hay actuaciones y lo que es mas importante, se ayudó económicamente a la juventud para ocupar las casas.

Por todo ello el centro de las ciudades está lleno de vida.

Todas estas mejoras las relizaron las cámaras y desde luego los comerciantes vistas la inversión y el esfuerzo por inercia también inviertieron y se renovaron, en muchos casos con subvenciones o exenciones fiscales que tambien concedieron las cámaras.

Ah! Otra cosa muy curiosa es que se ve a los presidentes-as y vereadores de las cámaras en comercios, en mercados o simplemente paseando por la ciudad.

Es muy triste invitar a venir a amigos a pasar unos días a esta ciudad? y comentarte que no volverán, ya que aquí, si no es Lisboa no hay nada que hacer.

No hablamos del lixo en la calle, allí las calles se limpian y riegan todos los días del año, aqui en la que yo vivo llevan tres semanas sin limpiar.

Las calles se alquitranan todos los años, no todas, pero cada cuatro años han arreglado toda la ciudad.

Aquí una persona llega a calcilhas y no hay un punto de información para el turista, ni indicaciones de dónde están los museos de la ciudad, no hay pensiones ni hoteles, si quieres coger un autobús en las paradas no están indicados los itinerarios, etc

Señores, perdonen, la cámara de Almada les tiene abandonados hace muchos años y es el partido el que lleva desde el 25 de abril en el poder, por tanto es el único responsable. El problema es que ahora también me tiene abandonado a mi, pagando mas impuestos y mas caros que en España sin a cambio tener servicios.

Y... lo peor de todo es que el pueblo tiene miedo a hablar y la señora presidenta a salir a la calle, muy triste.

Con lo bonito que es el comunismo bien entendido!

Acorden!!!!