domingo, outubro 25, 2009

CMA, Sempre entre os primeiros!

Em...Almada, "desta vez" o município de Almada não está entre os "10 melhores", mas está entre "os 11 que mais exploram os munícipes".
clique sobre a imagem para aumentar e ler
Jornal de Negócios 15 de Outubro de 2009
A CMA na vanguarda da exploração dos cidadãos, para depois usar o desafogo económico, as boas contas, em propaganda partidária dissimulada.
Viva o 25 de Abril!
EMALMADA agradece a colaboração de cidadão

8 comentários:

Salvo Seja disse...

Aguardemos o desmentido de sua excelência a "renovada" presidente.
É que contra factos não há argumentos.

Anónimo disse...

No rescaldo das eleições autárquicas 2009 sobra e sobrevive o blog EMALMADA.
As oposições, os partidos da oposição, os militantes da oposição, entraram em saudável e proveitosa letargia de barriga ao léu, de papo para o ar, de proveito em proveito, de interesse em interesse mesquinho,de compromisso em compromisso envergonhado até daqui a 4 meses antes das próximas saltarem para a arena a clamar mudança.
Depois, o povo é estúpido e ignorante, abstem-se, não compreende, é burro, é cretino, é masoquista!
Temos uma, duas, três, quatro, sempre oportunistas oposições.
Vivam as oposições esclarecidas.
Vivam seus líderes esclarecidos.
Vivam seus jogos e jogatanas.
Viva o povo não esclarecido!

Fernando Sousa da Pena disse...

Nem letargia, nem papo para o ar, que vivo do meu salário. Pela minha parte, serão 4 anos de serviço a Almada, contando fazer parte de uma oposição com ideias, coragem e propostas.

Silvana Nunes .'. disse...

Muito obrigada pela visita e por suas palavras tão carinhosas. Escrevo com amor, pois amo o Brasil e seu povo e toda noss cultura, mesmo diante de tantas dificuldades.
Volte outras vezes, FOI DESSE JEITO QUE EU OUVI DIZER... terá sempre uma história para contar.
Saudações Florestais !
Silvana Nunes.'.

Anónimo disse...

Muitos anos a votar CDU e... impossível estar mais arrependido. Almada tornou-se feia... é ingrato ser funcionário desta Autarquia.

Anónimo disse...

Hoje, 28 de Outubro, logo pela manhã, no parque de estacionamento que a camara anda a construir na Capitão Leitão, uma máquina com martelo mecânico a perfurar a placa recentemente construida! Pelos vistos, a construção não tinha saída para os automóveis, só entrada.
A gente paga!!!!
Oliveira

Anónimo disse...

... e nessa obra do parque de estacionamento da Capitão Leitão, localizada na periferia de influência directa do classificado centro histórico de Almada Velha, terão havido preocupações de salvaguarda de património (Estudo de Impacte Ambiental?... Ou não existirão preocupações a esse nível?...

Anónimo disse...

Notícia do SAPO.PT hoje:

« Buscas da PJ incidem sobre construtoras ligadas à REN e Refer
Filipe Alves e Nuno Miguel Silva
28/10/09 12:50


A PJ está a efectuar em buscas em várias empresas onde o Estado é accionista.

Notícias Relacionadas
Administradores da REN e REFER alvo de buscas 12:25



A investigação que a Polícia Judiciária (PJ) está a realizar em instalações da REN e da Refer dizem respeito a serviços prestados por empresas de construção e de manutenção de infra-estruturas, apurou o Económico.
Segundo fontes ligadas ao processo, a PJ solicitou à REN e à Refer vários documentos sobre a prestação de serviços por parte de construtoras e empresas de manutenção de infra-estruturas. Em causa, segundo as mesmas fontes, estarão alegadas irregularidades relacionadas com estes serviços.

A informação sobre as buscas a estas empresas que têm o Estado como accionista foi hoje avançada pelo "Correio da Manhã".

Segundo a edição online do diário, agentes da PJ estão neste momento em locais de trabalho de administradores e funcionários de várias participadas do Estado, como são o caso da Rede Ferroviária Nacional (REFER) e da Rede Eléctrica Nacional (REN).

De acordo com a mesma fonte, estarão em causa crimes de corrupção, tráfico de influência e branqueamento de capitais, sendo que alguns administradores já teriam sido constituídos arguidos.

No entanto, fonte oficial da Refer garantiu ao Económico que "nenhum departamento ou responsável da REFER está a ser alvo de buscas por parte da Polícia Judiciária".

"Esta polícia pediu à REFER algumas informações sobre terceiros, estando naturalmente e como sempre a Empresa a colaborar com as autoridades", acrescentou. »


E A SEGUIR VAI SER O METRO SUL do TEJO, MST?