terça-feira, setembro 29, 2009

Segurança Pública

Em...Almada, hoje à tarde a paisagem na Praça da Desolação esteve composta de forma pouco comum, durante algum tempo, com uma viatura da PSP e quatro motas com os respectivos agentes.
As pessoas habituadas a não ver polícia nas ruas de Almada ficaram admiradas com o cenário e tal aparato, até com alguns agentes mais próximo das poucas pessoas que se encontravam numa esplanada.
Questionavam porquê.
Será que a presença dos agentes foi consequência de algum pedido do Conselho Municipal de Segurança, presidido pelo presidente da Assembleia Municipal José Manuel Maia, ou da presidente da Câmara, ambos da mesma coloração partidária, para a população ver que há policiamento nas ruas e assegurar a igualdade de direitos a todos os partidos afixarem propaganda nos candeeiros, como só o PCP-CDU faz?
Ou demonstração/prova que a partir de hoje vai mesmo haver policiamento nas ruas?
Ou alguma acção local ao negócio fácil e à vista de toda a gente, de químicos e químicas que por lá se faz, ora de dia ora de noite?
EMALMADA agradece a colaboração de cidadão

28 comentários:

Anónimo disse...

Os comerciantes de Almada têm há mais de um mês um pedido na Câmara para afixarem um outdoor, mas ainda não obtiveram qualquer resposta ao pedido.

Vemos como é a transparente democracia da Emília comunista e dos comunistas.

Anónimo disse...

Cá para mim estavam a proteger os outdoors do PS para não "serem vandalizados". Afinal quem manda na policia é o Ministério da Ad, Interna, xuxalista claro.

zé pedro disse...

Nunca vi os comunas de Almada tão nervosos.
Este ano até o inginero Mendes tem direito a fotografia ao nivel do solo, encostado a candeeiro para não cair.

Anónimo disse...

Realmente o homem parece uma figura do outro mundo, está em todas as entradas da cidade de frente para ser bem visto, claro.
Tambem já é altura de levar com os patins; dar lugar aos novos porque este tambem já não devia de lá estar há muito faz parte do tal núcleo perpétuo.
Até os vereadores andam na rua a entregar publicidade. Durante os quatro anos quem os viu a fazer compras no comercio tradicional?... Ou mesmo num contacto com a população? Aparecem agora, querem votos, OPORTUNISTAS!

Forum disse...

A MES e o PCP estão em permanente ansiedade.
Ela chegou a uma situação critica.
Não sabe que cara mostra à população.
Está permanentemente a ensaiar novaface para se esconder e enganar.
Vira ridícula com as mascaras eleitorais.
O Mendes lá anda de poste em poste aver se não cai.
São vergonhas de Almada

Anónimo disse...

Terça-feira, 29 de Setembro de 2009

Após o mês de Agosto em que a CT encerrou para férias (ou talvez não porque saíu um comunicado sem que tenha havido qualquer reunião!!!!!!), neste mês de Setembro era importante reunir porque são muitos os assuntos a discutir em nome dos trabalhadores.


Qual não é o nosso espanto quando ficou decidido na reunião de 15/09/2009 (reunião com delegados de sector) efectuar nova reunião no dia 22/09/2009 (nesta reunião não esteve presente a coordenadora da CT- Fernanda Tavares), quando recebemos uma msg informando que tinha sido adiada e que posteriormente dariam mais informações.
Isto só nos leva a pensar que para algumas pessoas não existem assuntos a tratar (se fosse para falar de algum assunto contra o governo até se marcava reunião extraordinária, mas para tratar de assuntos dos trabalhadores.......)


A irresponsabilidade dos RH na opção gestionária (há trabalhadores que estão a ser prejudicados porque os chefes não deram notas em 2004 e 2005), o encerramento das instalações no dia de greve, o plano de contingência, ou a ausência dele (existem departamentos que já estão a aplicar no terreno e outros locais nem se fala de nada!!!!!), entre outros assuntos de importância, são algumas das questões que é necessário discutir com urgência antes do período que aí vem. Mas pelos vistos tudo isto são assuntos que não interessam à maioria da CT (Até há um delegado que desconfia muito desta gripe A............ Se calhar é uma invenção do governo para desviar atenções!!!!!!!!!).
Talvez para algumas pessoas, esta não seja uma boa altura para tratar destes assuntos, talvez as pessoas andem muito ocupadas com campanhas políticas, talvez a maioria da CT não considere estes assuntos importantes.


Não é a nossa opinião, e independentemente do período que se vive (plena campanha eleitoral), defendemos que existem assuntos muito graves que devem ser tratados com a maior urgência.
Esta não é a CT que defendemos.
Esta não é a CT que os trabalhadores merecem!

Anónimo disse...

O comentario anterior e dos trabalhadores da Cámara de Almada.

Anónimo disse...

Sou funcionário da Câmara Municipal de Almada há cerca de duas décadas. Desde há algum tempo, espero sinceramente que política e protagonistas de Gerência local se alterem. A actual administração alheou-se das necessidades dos trabalhadores. Essa indiferença surge disfarçada de democracia e indulgência. Não consegue, nem tenta sequer, aferir os níveis de insatisfação e desmoralização, provavelmente por assumir como garantia um apoio incondicional que não existe. Este facto pode revelar-se um erro básico. O afastamento progressivo pode determinar uma tendência de voto adversa.

Nos últimos anos assiste-se, paulatinamente, à entrada de quadros superiores, na sua maioria incompetentes, que encaram essa integração como objectivo cumprido (e pouco mais do que isso…). Nesta fase, a estratégia da Autarquia opta pela “recolha” sistemática de elementos fundamentada em nepotismo, transferências duvidosas e inexplicáveis, pagamentos de favor e outros motivos facilmente entendíveis. Cada vez mais, a estrutura e acções visíveis assentam no labor, nem sempre reconhecido, de técnicos e operários competentes, alguns com bastantes anos de serviço. Vários destes aproveitaram o tempo de vínculo para adquirir habilitações que permitiam a inserção na carreira superior. Incompreensivelmente, não se adopta um sistema de valorização dos trabalhadores.

Seria de esperar que a oposição se empenhasse no convencimento deste universo de insatisfeitos (e eleitores…). Não obstante, a maioria destes comentários, sobretudo e infelizmente, destila ódio e sobrepõe-se, em número, aos que propõem alternativa e conferem esperança na mudança. Independentemente disso, irei contribuir para a modificação.

Anónimo disse...

Trabalhadores CMA

Quinta-feira, 12 de Fevereiro de 2009
Durante as passadas semanas que decorreram fomos brindados com uma autêntica campanha pré-eleitoral da nossa administração que louvou os trabalhadores e o trabalho desenvolvido no ano de 2008 tendo atingido EXCELENTES resultados na sua globalidade.
Tudo seria muito correcto e de louvar se não fosse a campanha pré-eleitoral e a tentativa de influência dos trabalhadores contra o SIADAP, Lei 12-A, etc.
Se ainda podíamos dar o benefício da dúvida por ter acontecido algum devaneio do Sr. Vereador Rui Jorge quando na reunião da DMOVU afirmou:”Enquanto cá estivermos não há prémios de desempenho para ninguém”, tivemos a confirmação na reunião da DMPAT, pelas palavras do Sr. Vereador José Gonçalves que também afirmou: “A CMA não concorda na atribuição de prémios de desempenho. É uma questão de princípios. Quando a lei permite arbitrariedades, aplicamos a lei como queremos”.
É pena é que a arbitrariedade sirva sempre, na nossa opinião, para prejudicar os trabalhadores ou seja: Em vez de motivarmos os trabalhadores que apresentam resultados e ultrapassam objectivos, o que se faz em Almada é: NIVELAR TODOS POR BAIXO!!!! ASSIM É MAIS JUSTO!!!!!
E agora perguntamos nós? Que é feito da CT ?? Não deveria estar a defender os trabalhadores? Será tudo culpa do Governo? A Câmara não atribui prémios de desempenho, mas a culpa é do Governo?
Será que a CT não deveria interceder a favor dos trabalhadores? Claro que não, porque assim estaria a trair os princípios da administração da Câmara!!!!!
Veja-se uma das afirmações de um dos elementos da CT (Sr. Arq. António Olaio)``O CASSETES QUE QUER SER CHEFE`` na reunião da DMPAT: “Sou contra os prémios de desempenho. É uma aberração. Então o trabalhador que está ao meu lado deve ganhar mais do que eu por ter tido prémios?”.
Haja paciência para ouvir afirmações destas de um elemento que foi eleito para defender os trabalhadores.
Então a lei permite que a Autarquia dê mais dinheiro aos trabalhadores com melhores desempenhos, a Autarquia não concorda com a lei e não atribui prémios (por uma questão de princípios), e a CT pelos vistos concorda com tudo isto e assiste impávida e serena com uma atitude de total submissão!!!!
Apesar das diversas tentativas dos elementos eleitos pela lista B como se pode verificar pelas actas de reunião, a maioria não pretende questionar seja o que for.ESTA É A CT QUE TEMOS!!!!! ``A NÓS NUNCA NOS ENGANARAM``

Anónimo disse...

Quarta-feira, 16 de Setembro de 2009
TRABALHADORES IMPEDIDOS DE TRABALHAR


Hoje foi dia de Greve na Administração Local.

Infelizmente e MAIS UMA VEZ, em diversas instalações da CMA (Alto do Índio e Vale Figueira são apenas dois exemplos), o piquete de greve encerrou as instalações a cadeado, impedindo o livre acesso dos trabalhadores que quisessem trabalhar, contrariando o disposto na Lei da Greve.
Quando questionámos o piquete sobre o motivo do fecho das instalações responderam-nos:
No Alto do Índio: (Srª. Paula Godinho): As instalações estão encerradas mas se as pessoas quiserem trabalhar têm que assumir a responsabilidade por tudo o que acontecer nas instalações!! – Parecem afirmações um pouco intimidativas.
Em Vale Figueira (Srº Paulo Júnior): Leia a Lei da greve!!!! Está fechado e está fechado!!! É dia de greve!!! E voltei a perguntar: Mas não deixam entrar os trabalhadores que querem entrar porquê?; Resposta: Está encerrado, está na Lei da Greve… e virou costas e não quis mais conversa…..
Em qualquer dos casos temos a lamentar a falta de democracia (e alguma falta de educação) demonstrada e continuamos a condenar este tipo de atitude.
De qualquer modo cumpre informar sobre alguns aspectos previstos na Lei 59/2008 sobre a greve:
Artigo 392.º - Direito à greve
1 — A greve constitui, nos termos da Constituição, um direito dos trabalhadores. –Não está escrito que é obrigatório ou é um dever aderir à greve.

Artigo 395.º - Piquetes de greve
A associação sindical ou a comissão de greve pode organizar piquetes para desenvolver actividades pendentes a persuadir os trabalhadores a aderirem à greve, por meios pacíficos, sem prejuízo do reconhecimento da liberdade de trabalho dos não aderentes. –Não está escrito que podem fechar as instalações que por acaso não são do piquete, são da CMA

Artigo 406.º - Lock -out
1 — É proibido o lock -out.
2 — Considera -se lock -out qualquer decisão unilateral da entidade empregadora pública que se traduza na paralisação total ou parcial do órgão ou serviço ou na interdição do acesso aos locais de trabalho a alguns ou à totalidade dos trabalhadores e, ainda, na recusa em fornecer trabalho, condições e instrumentos de trabalho que determine ou possa determinar a paralisação de todos ou alguns sectores do órgão ou serviço ou desde que, em qualquer caso, vise atingir finalidades alheias à normal actividade do órgão ou serviço. –Parece que esta esclarece todas as dúvidas!!!!!!

Tendo a CMA conhecimento destas situações que já aconteceram diversas vezes (sempre que há greve!!!!), não se compreende a atitude conivente da CMA perante esta situação.

MAIS GRAVE AINDA É O FACTO DE MUITOS DESTES TRABALHADORES TEREM QUE FAZER REQUERIMENTOS AOS RECURSOS HUMANOS PARA QUE NÃO LHES SEJA RETIRADO O VENCIMENTO DESTE DIA!!!!!!!!!
Ou seja, são impedidos de entrar e ainda por cima querem retirar o direito ao vencimento como se tivessem alguma culpa do encerramento das instalações!!!!!
Se isto não é intimidar as pessoas ou uma tentativa de obrigar as pessoas a fazer greve, não sei o que será!!!!!!!
Vamos mais uma vez insistir na próxima reunião da CT para que estas situações não se repitam de modo a que os trabalhadores não sejam prejudicados (vamos ver se a maioria da CT aceita as sugestões…….)
Vejam os vídeos disponíveis no YOUTUBE
Links:


http://www.youtube.com/watch?v=PbEoFpdSDwE

www.youtube.com/watch?v=5Vi--gbHTPw

Anónimo disse...

gostava de saber se têm licença aqueles carros que andam na rua aos GRITOS a falar de autifalante a dizer que se CDU GANHAR O LARANJEIRO VAI BENEFICIAR, SE A CDU GANHAR O FEIJO VAI BENEFICIAR... PARECE QUE TAMOS NA TERRINHA! QUANDO HÁ TOURADA!

Carlos Pinto disse...

QUER CONHECER AS PROPOSTAS DA CANDIDATURA DO PS-PAULO PEDROSO PARA A RECONVERSÃO DAS AUGI?

01.10.2009 - Charneca de Caparica, 21h00
Sessão Pública AUGI - Associação Moradores Quintinhas/ Pinheirinho (Rua Primavera n.º 34 - Charneca de Caparica).

Não falte, É ALMADA QUE ESTÁ EM JOGO!

Anónimo disse...

A PCP em 35 anos só tem toureado Almada e a população quer se tenha escondido em APU e FEPU anteriormente ou agora em CDU.

O sangue provocado pelas farpas vemo-lo no dia a dia da cidade que agoniza nas mãos dos torturadores.

Anónimo disse...

Até na Extremadura de nosso pais vizinho (200Km) já se fala da destruição que fizeram os comunistas da peninsula de Setubal e especialmente de Almada.

Forum disse...

Os partidos democráticos PS PSD e CDS vão rebentar com os comunistas PCP CDU no próximo 11 de Outubro.
A força de mudança está em marcha por Almada.

O BE está colado ao PCP até no cartaz onde o Luís Filipe Pereira que foi da CDU e ainda alinha com ela, está ao lado e atrás da da Helena Oliveira aliada da Emília.
No cartaz do PCP o inútil Maia aparecia na mesma posição com a MIMI.

Uma real PCPCDU outra é a sua imagem ao espelho BE.
Não vamos desperdiçar votos no BE
BE é gémeo do PCP CDU Almada.

Forum disse...

não me espanta que na Estremadura espanhola se fale de Almada.
Ultimamente os povos estão dando mais atenção a arqueologia e sobretudo ao estudo dos fósseis.
Almada está em adiantado estado de fossilização socio-económica com os parasitas do PCP comandados pela MIMI e vermes que não têm amor a esta terra de virtudes e de passado histórico.

Salvo Seja disse...

Fiquei espantado ao ver num cartaz do BE a foto do Luis Filipe Pereira.
É este um candidato anti Emília?
Como se são amigos de longa data e gostam do beija mão mútuo?

Ponto Verde disse...

1) Tem sido também presença frequente uma carrinha com membros do Corpo de Intervenção naquele local aquela hora.

2) Para a CDU, atravessar o rio com a bicicleta no cacilheiro é uma « ciclovia hibrida» ... e esta hein ?

mais em www..a-sul.blogspot.com

Al-Ma'dan disse...

Estive hoje em Madrid a trabalho e logo que cheguei ao aeroporto e peguei no carro tinha o rádio sintonizado na TSF e estava a ser transmitido o diário de campanha e logo apanhei a campanha em Almada. Ouvi o Paulo Pedroso e a MES.
O Paulo Pedroso referiu que para o PS e para ele próprio só serve a vitória, porque o segundo é o primeiro dos últimos.
Quanto à Emilocas, apelou à maioria absoluta, isto tudo no meio do discurso da cassete habitual, que a criatura deve ter engolido.
O apelo à maioria absoluta tem, na minha óptica, duas leituras possíveis: ou ela prevê que vai perder a maioria absoluta ou até prevê que vai perder e esta dramatização do discurso serve para tentar reverter os previsíveis resultados.
Duma forma ou de outra, este apelo é revelador de uma certa aflição da cacique almadense.
Está nas nossas mãos pô-la ainda mais aflita até a levar à beira de um ataque de nervos!

Anónimo disse...

Depois de ter visto a etrevista da candidata pelo BE , em que diz que deseja a vitória do PCP, mas sem maioria absoluta, para poder ter uma palavra...está tudo dito.
Já existe um PC, não é preciso outro, travestido de BE (pelo menos em Almada).
O voto deve ser dirigido para qualquer partido, excepto o PCP e os seus anteriores e futuros aliados (o PSD e o BE).

Anónimo disse...

Quando o caruncho invade a madeira, passados alguns anos, não resta nem carunho nem madeira...

Em Almada está a acontecer a mesma coisa.

Foi invadida pelo "caruncho" há mais de trinta anos...

Hoje não resta quase nada.

Nem "caruncho" nem cidade...

Vamos correr com o "caruncho" de uma vez por todas.

CHEGA DE DITADURA!...

Carlos Pinto disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Anónimo disse...

quem está aflito é o Pedroso. As sondagens que encomendou reservam-lhe um pessimo resultado.
Não é para menos. Com a campanha que tem feito...

Anónimo disse...

Os do costume voltaram.
Não conhecessemos nós os seus métodos de multiplicação da honestidade, trabalho e competência.
Coitadinhos nem humildes são. Tanta farófia e não consequem convencer o eleitorado para governarem o país.
Só a deturparem actos eleitorais conseguem vencer em Almada com ocorreu em 2005.

Anónimo disse...

Anónimo Anónimo disse...
quem está aflito é o Pedroso. As sondagens que encomendou reservam-lhe um pessimo resultado.
Não é para menos. Com a campanha que tem feito...
Quinta-feira, Outubro 01, 2009 1:27:00 AM

***********

ISTO É UMA VERDADEIRA DEMONSTRAÇÃO DE MEDO E QUASE DESESPERO.

Liberdade disse...

Se falamos de sondagens o que estes comunistas anónimos não conseguem disfarçar é que a MES só é candidata contra a opinião de Jerónimo de Sousa, do PCP de Almada e da Distrital de Setúbal do PCP, porque a sondagem mandada fazer pelo partido garante a perda da maioria absoluta para o BE e admite o PS a discutir a vitória, mesmo a MES candidata.

Ora, sem a MES então era mais que certo a perda da CMA. Esta é que é a realidade e medo da CDU/PCP/MES.

E é por isso que o Secretário Geral do PCP não esteve presente na apresentação pública da candidatura da MES, sendo essa a primeira vez que isso acontece em 35 anos de poder comunista em Almada.
Jerónimo de Sousa sabe que pode perder e não quer o seu nome envolvido.

Anónimo disse...

A Emilia já esta a arrumar a mala.

Ciao MALANDRA.

Anónimo disse...

a ver se essa puta comunista desaparece de vez juntamente com os seus lacaios